Doze ensinamentos de São Paulo aos Romanos

1. “Desde a criação do mundo, as perfeições invisíveis de Deus, o seu sempiterno poder e divindade, se tornam visíveis à inteligência, por suas obras; de modo que não se podem escusar”. (Rom 1,19) 2. “Se viverdes segundo a carne, haveis de morrer; mas, se pelo Espírito mortificardes as obras … Continue Lendo

Quem foi o imperador romano que fez do cristianismo a religião oficial do Império?

O imperador romano cristão Teodósio o Grande, em 385, proibiu o paganismo em todo o Império Romano e, pelo Edito de Tessalônica, oficializou o cristianismo como a religião oficial do Império. A partir daí, foi proibida a pratica pagã, os templos pagãos foram fechados e muitos destruídos. Share on: WhatsApp

Concílio Vaticano I – Parte 3

Cap. III – A natureza e o caráter do primado do Pontífice Romano 1826. Por isso, apoiados no testemunho manifesto da Sagrada Escritura, e concordes com os decretos formais e evidentes, tanto dos Romanos Pontífices, nossos predecessores, como dos Concílios gerais, renovamos a definição do Concílio Ecumênico de Florença, que obriga todos os fiéis … Continue Lendo

História da Igreja: Igreja e Império nos séculos IV/V

Continuaremos a percorrer a história das relações entre a Igreja e o Império Romano, desde 363 até o fim do século V. A história dos dogmas da fé que se desenvolveu contemporaneamente, ficará para os capítulos 8-13 até o fim do século IV. 1. Sucederam a Juliano, o Apóstata, os Imperadores Joviano (363-4), Valentiniano … Continue Lendo

A eleição do Romano Pontífice

CAPÍTULO I OS ELEITORES DO ROMANO PONTÍFICE 33. O direito de eleger o Romano Pontífice compete unicamente aos Cardeais da Santa Igreja Romana, à excepção daqueles que tiverem completado, antes do dia da morte do Sumo Pontífice ou do dia em que a Sé Apostólica fique vacante, oitenta anos de idade. O número máximo de … Continue Lendo