Influência da Virgem Maria na vida da Igreja

1. Desejamos, antes de mais, deter-nos a considerar brevemente alguns aspectos significativos da personalidade de Maria, que oferecem a cada fiel indicações preciosas para acolher e realizar plenamente a própria vocação. Maria precedeu-nos na via da fé: crendo na mensagem do anjo, ela é a primeira a acolher, e de … Continue Lendo

A JMJ seria em Lisboa em 2022?

Segundo o ACI (11/12/2018), no Panamá, durante a Jornada Mundial da Juventude, haverá uma presença especial entre os milhares de jovens de todo o mundo, trata-se da imagem original de Nossa Senhora de Fátima, que pela primeira vez desde 2000 sairá de Portugal. Talvez esta seja a conexão ideal para … Continue Lendo

Os Movimentos pela pobreza na Idade Média

Nos séculos XII e XIII houve um grande crescimento do poder temporal da Igreja. O prestígio do papa era imenso no campo político e havia riqueza e luxo espalhados na Europa. E tudo isso invadia os bispados e aos mosteiros. Com a intenção de enfrentar esse problema houve duas correntes … Continue Lendo

História da Igreja: Rebatismo e Donatismo

Enquanto as disputas teológicas no Oriente versavam principalmente sobre Deus e Jesus Cristo, envolvendo problemas altamente especulativos, no Ocidente o debate teológico se voltou mais para questões de ordem prática, abordando especialmente o binômio “santidade e pecado” na Igreja. Examinaremos, a seguir, três controvérsias que, em última análise, desenvolveram essa temática. O Re-batismo À medida … Continue Lendo

Os dogmas solenemente proclamados pelos Papas

Poucas vezes na história da Igreja os Papas tiveram a necessidade de se pronunciar “ex-cathedra”. E nem todos os dogmas da fé católica foram pronunciados solenemente; por exemplo, no Credo, há 12 Artigos de Fé, que não precisaram ser proclamados solenemente, já que vieram dos Apóstolos. Podemos relatar, em ordem … Continue Lendo

História da Igreja: O Concílio de Trento

Concílio de Trento (1545-1563)Considerações gerais A obra do Concílio de Trento tem sido chamada “Contra-Reforma”, em oposição à Reforma Protestante. Esta designação, porém, é inadequada. O Concílio foi, sim, uma resposta às proposições do protestantismo, mas, muito mais do que isto, foi uma expressão da vitalidade da Igreja, que no … Continue Lendo