As provas da Ressurreição de Jesus

A Igreja não tem dúvida em afirmar que a Ressurreição de Jesus foi um evento histórico e transcendente. No §639 o Catecismo afirma: “O mistério da Ressurreição de Cristo é um acontecimento real que teve manifestações historicamente constatadas, como atesta o Novo Testamento. Já S. Paulo escrevia aos Coríntios pelo … Continue Lendo

A importância de se amar a Liturgia

Não se ama o que não se conhece. Podemos dizer que esta acaba sendo uma verdade dificilmente contestada, especialmente em relação ao assunto que estamos tratando: a Sagrada Liturgia. Só poderemos amar, verdadeiramente, a Santa Liturgia se a conhecermos. Quando vamos a Santa Missa, devemos lembrar-nos que não estamos apenas … Continue Lendo

Batismo do Senhor: O Papa aconselha os pais a jamais brigarem na frente dos filhos

Segundo o ACI Digital (13/01/2019), na Missa que presidiu esta manhã na Capela Sistina no Vaticano e em que batizou 27 bebês, 15 meninas e 12 meninos, pela festa do Batismo do Senhor, o Papa Francisco aconselhou os pais a nunca brigarem diante dos filhos. O Pontífice ressaltou em sua … Continue Lendo

O que é a Comunhão dos Santos?

Primeiramente, é um dogma de fé. Nós o professamos no nosso Credo: Creio na Comunhão dos Santos. Leia também: Creio na Comunhão dos Santos Por que tem Maria um lugar tão distinto na comunhão dos santos? O Catecismo da Igreja Católica nos explica com bastantes detalhes esse assunto. Um desses ensinamentos … Continue Lendo

A Igreja é infalível e invencível

A Igreja Católica é considerada infalível naquilo que é essencial para a nossa salvação, no que se diz respeito à doutrina. Por isso, a Igreja não pode errar neste sentido, pois Jesus concedeu-lhe parte de sua infalibilidade, diz o Catecismo da Igreja Católica. Leia também: Como entender que a Igreja não erra? … Continue Lendo

O que a Igreja ensina sobre o Juízo Final?

Veja abaixo o que o Catecismo diz sobre o Juízo Final; este será público e necessário porque o bem ou o mal que fazemos repercute sobre todos. O juízo final não cancela o particular, apenas o completa, na medida em que o mesmo julgamento, que já foi particular, agora se … Continue Lendo