Santo Sudário será exposto no Sábado Santo em Turim

“A imagem do Sudário que Turim preserva há quase cinco séculos testemunha a dor e a morte, mas também a ressurreição e a vida eterna”, afirmou Dom Cesare Nosiglia.

Segundo o Gaudium Press (03/03/2021), o Arcebispo de Turim, Dom Cesare Nosiglia, anunciou que no dia 3 de abril, Sábado Santo, será realizada uma exposição especial do Santo Sudário de Turim.

O evento, que também está sendo divulgado pelo Dicastério da Comunicação do Vaticano, terá uma liturgia especial para a qual serão convidadas autoridades civis que representarão a população local.

Liturgia especial para o ano de 2021

O prelado ressalta que esta será uma liturgia especial, “não é a simples repetição da celebrada em 2020”. Isso porque atualmente estamos “conscientes das dificuldades enfrentadas e dos compromissos que podemos assumir”.

Uma exposição especial do Santo Sudário estava agendada para ocorrer durante um encontro internacional de jovens que seria realizado entre os dias 28 de dezembro de 2020 e 1º de janeiro de 2021, entretanto foi necessário adiar o evento devido às novas restrições.

O Santo Sudário testemunha a dor e a morte, a ressurreição e a vida eterna

“A exposição do Sudário foi proposta pela Igreja de Turim a todos os jovens e esperamos poder festejá-la porque o caminho é uma oportunidade para mostrar os nossos ‘fratelli tutti’”, afirmou o Arcebispo de Turim, que explicou ainda que a oração do Sábado Santo será animada por esses mesmos jovens, que apresentarão reflexões sobre a esperança.

“A imagem do Sudário que Turim preserva há quase cinco séculos testemunha a dor e a morte, mas também a ressurreição e a vida eterna. Diante do Sudário podemos exclamar com o coração voltado para o Senhor: o teu amor é para sempre”, conclui Dom Nosiglia. (EPC)

Fonte: https://gaudiumpress.org/content/santo-sudario-sera-exposto-no-sabado-santo-em-turim/

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.