Salvador terá primeiro santuário e paróquia dedicados à futura Santa Dulce dos Pobres

De acordo com site ACI Digital, no próximo domingo, 13 de outubro, acontecerá a canonização de Irmã Dulce dos Pobres e, no mesmo dia, em Salvador (BA), serão criadas a primeira Paróquia e o primeiro Santuário do mundo dedicados à santa brasileira.

Irmã Dulce será canonizada pelo Papa Francisco durante Missa celebrada na Praça de São Pedro, no Vaticano, quando também serão proclamados outros 4 novos santos.

Muitos brasileiros acompanharão a cerimônia, sobretudo em Salvador, onde, horas depois, será criada a primeira Paróquia do mundo dedicada à religiosa.

A Paróquia Santa Dulce dos Pobres se localiza no bairro do Saboeiro e será formada por sete comunidades; a matriz paroquial será a atual Capela Santíssima Trindade.

A criação da nova paróquia será às 7h30 do dia 13 de outubro, durante a Celebração Eucarística na nova Matriz, presidida pelo Bispo auxiliar da Arquidiocese de Salvador, Dom Estevam dos Santos Silva Filho, que fará a leitura do Decreto.

Também às 7h30 será criado o primeiro Santuário do mundo dedicado à Santa Dulce dos Pobres, localizado no Largo de Roma, na capital baiana. O templo, que era dedicado à Imaculada Conceição da Mãe de Deus, abriga restos mortais da futura santa.

Nesta ocasião, o Bispo auxiliar Dom Marco Eugênio Galrão Leite de Almeida presidirá a Missa e fará a leitura do Decreto de Criação.

Esta não será a primeira vez que Salvador cria a primeira paróquia do mundo dedicada a um santo. O mesmo aconteceu em 27 de abril de 2014, quando a Paróquia Nossa Senhora dos Alagados e São João Paulo II, no bairro Uruguai, foi criada imediatamente após a leitura da Bula do Papa Francisco que declarava o Papa peregrino como santo.

 

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/salvador-tera-primeiro-santuario-e-paroquia-dedicados-a-futura-santa-dulce-dos-pobres-31229

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.