Processo de canonização da Rainha Isabel, a Católica, ganha novo impulso

Rainha Isabel I de Castela, também conhecida como Isabel a Católica. Foto: Wikipédia.

Segundo o ACI Digital (07/06/2018), os Bispos do sul da Espanha decidiram recentemente aderir-se à causa de beatificação da Serva de Deus Rainha Isabel a Católica, a fim de reconhecer as suas virtudes e importante tarefa de evangelização na América Latina realizada durante o seu reinado.

A Serva de Deus faleceu em 26 de novembro de 1504 e todos os anos é celebrada uma Missa de ação de graças pela sua vida e pela evangelização do Novo Mundo e da Espanha, algo que ela considerou parte das suas responsabilidades como soberana.

Segundo explicam em um comunicado emitido pelos Bispos do sul da Espanha, a Rainha Isabel a Católica, sempre que as suas obrigações como monarca permitiam, estava profundamente envolvida “na educação cristã dos seus filhos” e trabalhou como soberana a fim de “fortalecer vínculos, criando a unidade ao seu redor e semeando o bem”.

O processo de canonização de Isabel I de Castela, conhecida como Isabel a Católica, começou na Arquidiocese de Valladolid (Espanha), onde a rainha faleceu em 1958.

A Arquidiocese de Granada também está muito envolvida neste processo de canonização, porque tanto a soberana, como seu esposo Fernando o Católico estão enterrados na Capela Real, ao lado da Catedral de Granada.

A causa concluiu a sua fase diocesana em 1972 e desde então está em Roma para ser analisada pela Congregação para as Causas dos Santos.

Congresso sobre a Evangelização da América

Além disso, haverá um simpósio sobre “Isabel a Católica e a Evangelização da América” em Valladolid, do dia 15 ao 19 de outubro. Este evento está sendo organizado pela comissão de beatificação desta rainha espanhola e pretende ser a reativação formal da sua causa.

Participarão do congresso Guzmán Carriquiry, vice-presidente da Pontifícia Comissão para a América Latina (CAL), assim como o Arcebispo de Valladolid, Cardeal Ricardo Blázquez; o Arcebispo de Toledo, Dom Braulio Rodríguez, entre outros.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/processo-de-canonizacao-de-isabel-a-catolica-ganha-novo-impulso-24064

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.