Papa Francisco teve encontro privado com a presidente da Eslováquia

Segundo o ACI (13/09/2021), o papa Francisco teve um encontro privado com a presidente da Eslováquia, Zuzana Čaputová, na capital do país, Bratislava, no dia 13 de setembro, segundo dia da visita apostólica ao país.

Francisco chegou à Eslováquia na tarde do domingo, depois de passar a manhã em Budapeste, na Hungria, para o encerramento do Congresso Eucarístico Internacional que durou uma semana. Ele se reuniu com bispos, líderes da comunidade judaica e de outras confissões cristãs, e teve reuniões privadas com o presidente e o primeiro-ministro da Hungria.

Ontem pela tarde, logo que chegou a Bratislava, o papa seguiu a agenda oficial com um encontro ecumênico na nunciatura apostólica e uma reunião privada com os membros da Companhia de Jesus no país.

A recepção oficial aconteceu hoje, segunda-feira, 13. Após celebrar a missa privada, Francisco foi até o Palácio Grassalkovivch, onde foi recebido pela presidente Zuzana Čaputová. Construído em 1760, o palácio é a residência presidencial da Eslováquia desde 1996. A história do edifício o tornou um dos pontos mais representativos da identidade eslovaca.

A residência foi construída para o conde de Grassalkovich e, mais tarde, foi usada para espetáculos musicais. Nela, o compositor Joseph Haydn estreou algumas de suas obras. Durante a Segunda Guerra Mundial, o palácio foi usado como quartel-general alemão. Depois da derrota dos nazistas e a instauração do regime comunista, a residência serviu aos líderes comunistas.

Com o fim do comunismo em 1989 e a separação da Eslováquia da República Tcheca, o palácio foi novamente transformado para ser a residência presidencial.

Ao entrar no palácio, Francisco participou da cerimônia de boas-vindas na qual recebeu, das mãos de duas crianças vestidas com trajes tradicionais, pão e sal de presente. Em seguida, o papa e a presidente foram até a Sala de Ouro do Palácio Presidencial para iniciar a visita de cortesia.

Depois de alguns minutos, ambos saíram e, após a assinatura do Livro de Honra, trocaram presentes na Sala Verde, onde a família da presidente eslovaca foi apresentada a Francisco.

No Livro de Honra, o papa escreveu: “Peregrino em Bratislava, abraço com afeto o povo eslovaco e rezo por este país de raízes antigas e rosto jovem, para que seja uma mensagem de fraternidade e de paz no coração da Europa”.

O papa Francisco entregou à mandatária uma medalha pontifícia com a figura de Nossa Senhora das sete dores, padroeira da Eslováquia, e com a cruz dupla, que é um dos símbolos do país europeu.

Terminada a visita de cortesia, Francisco e Čaputová saíram até o jardim do Palácio Presidencial para o encontro com as autoridades, representantes da sociedade civil e membros do corpo diplomático.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/papa-francisco-teve-encontro-privado-com-a-presidente-da-eslovaquia-79949

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.