Papa Francisco reforça que a economia deve estar ligada à ética

Segundo o ACI Digital (03/05/2019), o Papa Francisco assinalou que “a economia produz um serviço ao bem comum se for ligada à ética, que é medida universal do autêntico bem humano”.

Estas declarações foram feitas pelo Pontífice nesta sexta-feira, 3 de maio, durante a audiência concedida aos membros da fundação italiana Guido Carli por ocasião de seu décimo aniversário.

O Santo Padre alertou que há contradições na sociedade moderna: “por um lado a prevalência de critérios unicamente econômicos e de atividades dirigidas ao consumo e, por outro, manifesta-se cada vez mais a incapacidade de conciliar a justa distribuição de renda com a valorização das perspectivas de desenvolvimento”, afirmou.

Nesta linha, Francisco disse que “é importante reiterar que a economia produz um serviço ao bem comum se for ligada à ética, que é medida universal do autêntico bem humano”.

Portanto, o Pontífice assinalou o significativo compromisso social desta Fundação em promover a solidariedade que “é um valor humano que, na perspectiva cristã, realiza o dever da caridade evangélica”.

Por isso, o Papa agradeceu pelos prêmios que concedem todos os anos a homens e mulheres “que se distinguiram em todo o mundo por seu compromisso civil e ético”, porque, assegurou, “não há poucos expoentes da cultura, da ciência, do mundo do trabalho, do voluntariado e até da Igreja que, através da sua atividade, representam exemplos positivos e modelos para imitar”.

Neste sentido, o Santo Padre os encorajou a “perseverar em sua ação, especialmente em favor dos setores mais fracos da sociedade, como estímulo para o crescimento de todos os seus componentes” e desejou que “o Senhor sustente e abençoe suas boas intenções”.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/papa-francisco-insiste-em-que-a-economia-deve-estar-ligada-a-etica-82196

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.