Padre Pio surpreendeu o mundo e é um exemplo na luta contra o demônio, diz o Papa

Segundo o ACI Digital (17/03/2018), o primeiro encontro do Papa Francisco na terra do Padre Pio, Pietrelcina, neste sábado, 17 de março, foi com os fiéis na praça principal, aos quais recordou em linhas gerais a figura do santo, um frade que “surpreendeu o mundo”.

“Este humilde irmão capuchinho surpreendeu o mundo com a sua vida, toda dedicada à oração e à escuta paciente dos irmãos, sobre cujos sofrimentos derramou o bálsamo da caridade de Cristo”, explicou o Papa.

Francisco reconheceu sua alegria por estar presente e recordou que ali foi onde Padre Pio “nasceu e iniciou sua longa e fecunda vida humana e espiritual”. Naquele local, “aprendeu a rezar e a reconhecer nos pobres a carne do Senhor, até que crescer no seguimento de Cristo e solicitou ser admitido entre os Frades Menores Capuchinhos”.

Francisco acrescentou que foi também naquele local onde “começou a experimental a maternidade da Igreja, da qual sempre foi filho devoto”.

Aludiu ainda a um período difícil para o santo, no qual “foi fortemente atormentado em seu interior e temia cair no pecado, sentindo-se atacado pelo demônio”.

“Vocês sabem que o demônio existe?”, perguntou aos fiéis que responderam com um “sim”. “O demônio se mete dentro de nós, move-nos, atormenta-nos, engana-nos”, acrescentou.

“Padre Pio imergiu na oração para aderir, sempre mais, aos desígnios divinos” e “por meio da celebração da Santa Missa – que era o coração do seu dia e a plenitude da sua espiritualidade –, atingiu um elevado nível de união com Deus”.

Além disso, destacou como nesse mesmo período “recebeu dons místicos especiais, que precederam os sinais da Paixão de Cristo em sua carne”.

O Papa ressaltou que “ao imitar seu heroico exemplo e as suas virtudes, vocês também podem ser instrumentos do amor de Jesus entre os mais necessitados”.

“Levando em consideração a sua fidelidade à Igreja, podem dar testemunho de comunhão, porque somente ela edifica e constrói”.

O Pontífice desejou que “este território possa trazer nova vida de ensinamentos de vida do Padre Pio em um momento não fácil como o presente, enquanto a população decresce progressivamente e envelhece, porque muitos jovens são obrigados a ir para outras regiões em busca de trabalho”.

“Um território que luta todos os dias assusta as pessoas, está doente e triste. Uma terra na qual todos se amam mais ou menos bem e não desejam o mal, cresce, torna-se grande e forte”. Portanto, “por favor, não percam tempo lutando entre vocês. Isso não faz crescer, não faz caminhar”, improvisou.

Além disso, desejou que “não falte uma atenção solicita e cheia de ternura aos idosos, patrimônio incomparável de nossas comunidades”.

“Incentivo esta terra a custodiar como um tesouro precioso o testemunho cristão e sacerdotal de São Pio de Pietrelcina: que seja para cada um de vocês um estímulo para viver em plenitude sua existência, no estilo das bem-aventuranças e com as obras de misericórdia”, concluiu.

Fonte: http://www.acidigital.com/noticias/padre-pio-surpreendeu-o-mundo-e-e-um-exemplo-na-luta-contra-o-demonio-diz-o-papa-25321/

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.