Meditação do Retiro de Quaresma do Papa: Assim as lágrimas ajudam a chegar a Deus

Segundo o site ACI Digital (21/02/2018), na manhã de quarta-feira, a meditação dos exercícios espirituais do Papa Francisco e da Cúria Romana, que estão sendo realizados na Casa Divino Mestre da cidade italiana de Ariccia e terminam na sexta-feira, 23 de fevereiro, se centrou no significado das lágrimas na vida do homem e em sua relação com Deus.

Na meditação, pronunciada pelo sacerdote português José Tolentino Mendonça, explicou-se que “as lágrimas mostram que Deus se encarna na nossa vida, nos nossos fracassos, nos nossos encontros”.

“Nos Evangelhos, Cristo também chora. Jesus assume a nossa condição, torna-se um de nós e, por isso, as nossas lágrimas estão incluídas nas suas. Realmente as leva com ele. Quando chora, reúne e assume solidariamente todas as lágrimas do mundo”.

Pe. Tolentino Mendonça indicou que “a nossa biografia também pode ser resumida por meio de lágrimas: de alegria, de celebração, de emoção; e também de noite escura, de aflição, de abandono, de arrependimento e de contrição”.

“Pensemos nas nossas lágrimas – continuou – e também naquelas lágrimas que não se derramaram, que permaneceram como um nó na garganta, e cuja ausência se transforma em algo que pesa. A dor dessas lágrimas que não foram derramadas. Deus conhece todas elas e as acolhe como uma oração. Portanto, confiemos. Não as escondamos dele”.

Por último, Pe. Tolentino Mendonça se referiu à mulher que chora e lava os pés de Jesus com as suas lágrimas. Destacou que, muitas vezes, estabelece-se uma distância crítica com a religiosidade popular, que se expressa com a abundância de lágrimas.

Assinalou que, às vezes, os pastores podem achar complicado perceber a religiosidade do simples, baseado não em ideias, mas em gestos. Entretanto, em outras ocasiões, pode-se viver de maneira asséptica. “É essa inédita hospitalidade – expressada pela mulher com suas lágrimas – que Jesus pretende exaltar. As lágrimas são um sinal da sede e nós devemos aprender”, concluiu.

Fonte: http://www.acidigital.com/noticias/meditacao-do-retiro-de-quaresma-do-papa-assim-as-lagrimas-ajudam-a-chegar-a-deus-88308/

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.