Igreja de Roma expõe relíquia com sangue dos estigmas de Padre Pio

Segundo o ACI Digital (21/09/2021), Roma se prepara para celebrar a festa de são Pio de Pietrelcina na quinta-feira, 23 de setembro, na igreja de são Salvatore in Lauro, onde a relíquia do sangue dos estigmas do santo pode ser venerada.

Trata-se de uma tradição consolidada há 20 anos. Milhares de fiéis pertencentes a 600 grupos de oração da região do Lácio e das associações de defesa civil se reunirão nesta histórica igreja do centro histórico de Roma, próxima à Praça Navona, para honrar o santo e pedir sua intercessão.

No interior do santuário lauretano serão expostas, nessa ocasião, as relíquias que se guardam ali, como o manto, as luvas, as ataduras e o sangue dos estigmas que, durante quarenta anos, marcaram o corpo de são Pio de Pietrelcina.

A programação da festa começou na segunda-feira, 20 de setembro, dia da estigmatização, com a exposição solene e a veneração da relíquia do sangue de são Pio.

No dia 22 de setembro, acontecerá a Vigília do Trânsito, que recorda a morte do santo. Será presidida pelo cardeal Mauro Piacenza, penitenciário maior.

No dia 23 de setembro, será celebrada a grande festa do santo, instituída por são João Paulo II no ano 2000.

O evento central da programação será na tarde do dia 23, com a bênção dos órgãos de defesa civil, que contará com a presença das autoridades civis e do chefe do Departamento de Defesa Civil.

Nos dias de celebração também acontece, desde 2004, a Festa da Defesa Civil, que tem com padroeiro são Pio de Pietrelcina.

A missa solene na praça de são Salvatore in Lauro será presidida pelo cardeal Angelo Comastri, em 23 de setembro, às 18:00, hora de Roma.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/igreja-de-roma-expoe-reliquia-com-sangue-dos-estigmas-de-padre-pio-81832

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.