Diretor da EWTN Polônia agradece católicos por ajudar a desbloquear canal do Youtube

Segundo o site ACI Digital (23/04/2021), empregados da EWTN Polônia preparavam-se para a festa da Divina Misericórdia quando notaram uma falha em seu canal Youtube, que transmite ao vivo a adoração perpétua a milhares de pessoas em todo o mundo.

As pessoas que se conectavam com a transmissão ao vivo viam um retângulo negro por cima da imagem da capela da adoração em Niepokalanów, a cerca de 40 km da capital do país, Varsóvia. O retângulo trazia a mensagem: “Uma gravação dessa transmissão não está disponível”.

Desde 2018 a EWTV Polônia, ramo polonês da rede católica da mídia fundada por Madre Angelica, oferece adoração 24/7 da basílica da irmandade fundada por São Maximiliano Kolbe, que se voluntariou para morrer no lugar de outro prisioneiro no campo nazista de extermínio de Auschwitz.

O padre Piotr Wiśniowski, diretor da EWTN Polônia, recebeu uma mensagem do Youtube explicando que a empresa havia bloqueado o canal por causa de uma quebra nas diretrizes de comunidade e que ficaria indisponível por sete dias.

Quando ele tentou contato com a plataforma de vídeo online para ter uma explicação, no entanto, não conseguiu chegar a uma pessoa de verdade.

“O Youtube bloqueou todo o canal, incluindo a transmissão da adoração de Niepokalanów, onde viveu e trabalhou São Maximiliano Kolbe. Nós estamos transmitindo a adoração há mais de dois anos e há muitos seguidores no mundo todo,” disse o padre.

“É a maior capela da adoração online do mundo. Mais de mil pessoas que adoram o Senhor Jesus sem parar, milhões de views na Europa, América do Sul e do Norte. Claramente as pessoas se sentiram afetadas. Acontece que os cristãos de hoje precisam de uma comunidade online como essa. O bloqueio causou um protesto internacional muito amplo.”

Conforme as reclamações pelo bloqueio do canal foram aumentando, empregados do Google, a empresa proprietária do Youtube, procuraram Wiśniowski. Aparentemente um sistema automático tinha apontado EWTN Polônia por uma possível quebra de copyright.

“Nosso canal se concentra em adoração e oração,” disse o padre. “Há também programas jornalísticos e programas da EWTN americana com tradução para o polonês. Transmissões de missa e da adoração constituem um elemento importante. Tudo é legal e temos direitos sobre tudo o que transmitimos”.

A EWTN Polônia conseguiu mostrar que tinha licença para todo o material com copyright do canal. O Youtube, então, restaurou o serviço a tempo para o domingo da Divina Misericórdia.

Em sua conta no Twitter a EWTN Polônia escreveu: “Estamos felizes em anunciar que DIÁLOGO com a equipe do Youtube restaurou a adoração do Santíssimo Sacramento de Niepokalanów! Um grande agradecimento a todos que nos apoiaram comentando sobre o nosso caso e pelas orações.”

Wiśniowski comentou: “A voz unida da mídia católica da Polônia e de fora fez com que o Google entrasse em contato comigo pessoalmente. Quando as pessoas começaram a conversar, o diálogo trouxe uma solução.”

“Eu sou um padre católico, sabe? Quer dizer, estou aqui para construir reconciliação e paz pregando Cristo. Então, antes de tudo, obrigado pela oportunidade de diálogo, pela converesa coom um dos diretores do Google”, completou.

O diretor da EWTN Polônia, porém, disse sentir que o incidente, que chamou bastante atenção da mpidia na Polôn ia, necessitava de maiores esclarecimentos.

“Grandes companhias não deviam simplesmente bloquear ou apagar contas. Não se trata nem mesmo de religião ou de católicos, embora possa se falar muito sobre como somos tratados. Trata-se de liberdade, que é um dos valores básicos de todos os seres humanos. Sem isso, entramos em um mundo de escravização, que é como o totalitarismo nasce. Todos deveríamos nos lembrar disso.”

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/diretor-da-ewtn-polonia-agradece-catolicos-por-ajudar-a-desbloquear-canal-do-youtube-79444

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.