Diocese de Santos abre as portas das igrejas para auxiliar vítimas das chuvas

Segundo o site ACI, a Diocese de Santos (SP) expressou sua solidariedade com as vítimas da tempestade que atingiu a Baixada Santista na noite de 2 de março, a qual deixou diversos desabrigados e levou, até o momento, à morte de 19 pessoas.

Em nota publicada em sua página de Facebook, a Diocese de Santo afirma que o Bispo Dom Tarcísio Scaramussa e o clero local “manifestam grande pesar pelas pessoas que perderam suas vidas improvisadamente devido aos desmoronamentos, em Santos, São Vicente e Guarujá”.

Do mesmo modo, expressaram proximidade aos “que perderam seus entes queridos, ou perderam seus bens nos desabamentos e enchentes desses dias”.

“Ao manifestar nossa solidariedade, convocamos a todos os fiéis no sentido de irmos ao encontro das necessidades destes irmãos, ao mesmo tempo que invocamos sobre todos as bênçãos e a proteção de Deus”, completou a nota.

Devido às fortes chuvas que atingiram a Baixada Santista, as quais chegaram a índices acima da média prevista para todo o mês de março, foram registrados 19 mortos, sendo 15 em Guarujá, 3 em Santos e 1 em São Vicente. Segundo o Corpo de Bombeiros, há ainda 29 pessoas desaparecidas.

Quanto aos desabrigados, a Defesa Civil do Estado de São Paulo informou que, até a manhã desta quarta-feira, havia 155 em Guarujá, 6 em São Vicente e 37 em Santos. Há também 11 desalojados em São Vicente.

Diante de tal situação, a Diocese de Santos informou que “as Igrejas Católicas da Baixada Santista estão recebendo doações de roupas, sapatos, mantimentos, utilidades domésticas, que serão encaminhadas às vítimas das fortes chuvas dos últimos dias na região”.

A lista completa das igrejas que estão recebendo doações em cada cidade foi publicada no site da Diocese e pode ser acessada AQUI.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/diocese-de-santos-abre-as-portas-das-igrejas-para-auxiliar-vitimas-das-chuvas-52626

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.