Casal cria loja virtual de artigos religiosos e reverte toda renda para missões

Segundo o ACI (28/11/2018), há cerca de quatro anos, Marielle de Paula Mauricio e Carlos Mauricio da Silva ouviram o chamado e se lançaram em um projeto missionário; de lá para cá, o envolvimento e o compromisso desse casal de brasileiros com as missões foi crescendo, ao ponto de criarem uma loja cujo único objetivo é arrecadar fundos para tais iniciativas.

Cristificar é o nome da e-loja que, mais do que produtos religiosos, visa a ajudar àqueles que vão levar Cristo aos mais distintos locais.

Conforme Marielle contou à ACI Digital, tudo teve início quando ela e seu marido, ambos membros da Renovação Carismática Católica (RCC), conheceram o projeto Revoada Missionária, em 2014, o qual “tinha o intuito de levar profissionais da área da saúde para regiões carentes do Brasil e também no exterior, para evangelização e promoção de saúde”.

Marielle é cirurgiã dentista e Carlos é administrador de empresas. Para o casal, este projeto missionário “se encaixava perfeitamente” no que buscavam, pois sentiam nos “corações um chamado muito profundo para as missões”.

Realizaram sua primeira missão em abril de 2014, no sertão nordestino do Rio Grande do Norte. “A partir dali percebemos que o chamado era de Deus e que, ouvindo a voz do Senhor, seríamos plenamente felizes”.

Com o tempo, as missões foram se tornando parte da vida do casal. Em 2014, além do sertão nordestino, foram também para a Amazônia e para Uganda. No ano seguinte, seguiram duas vezes para a capital do Haiti, Porto Príncipe. Em 2016, foram para a Ilha de Marajó (PA) e, em 2017, realizaram algumas missões no Rio de Janeiro. Por fim, neste ano de 2018, retornaram a Uganda.

Segundo Marielle, o que os motiva “é o amor de Deus”. “Através das missões vemos o Evangelho se cumprir: ‘porque tive fome e me destes de comer; tive sede e me destes de beber; era peregrino e me acolhestes; nu e me vestistes; enfermo e me visitastes; estava na prisão e viestes a mim’”, disse, citando o Evangelho de São Mateus 25,36.

“Encontramos Cristo no irmão: ‘Em verdade eu vos declaro: todas as vezes que fizestes isso a um destes meus irmãos mais pequeninos, foi a mim mesmo que o fizestes’ (Mt 25,40)”, acrescentou, ressaltando que “estar em comunhão com Deus nos leva ao encontro do outro”.

Em cada local em que realizaram missões, recordou a cirurgiã dentista, encontraram “situações muito delicadas”. “Cada missão apresenta sua peculiaridade”, sublinhou.

No Nordeste brasileiro, por exemplo, disse ter se deparado com dificuldades de acesso às comunidades, falta de água encanada, saneamento básico, acesso à saúde e até mesmo a alimentos. Ela recordou o caso de uma mãe com dois filhos que encontraram ao realizar missão de porta em porta.

“Já era final de tarde e eles não tinham comido nada ainda. Ela estava esperando o marido voltar com algum alimento. Foi uma situação muito angustiante. Fomos até uma mercearia que tinha ali perto e compramos algumas coisas para eles. Ao entregar, a mãe louvou a Deus dizendo que Ele nunca os desamparava. Todos os missionários saíram muito tocados ao ver a fé daquela mulher. Foi uma grande lição para todos”, recordou.

No Haiti, os missionários se depararam com um país devastado por terremotos, furacões, epidemia de cólera, um “povo lutando para se reestruturar”, “muitos órfãos”, fome, “desigualdade social tremenda”. “Foi uma grande experiência e um grande desafio”, indicou.

Mas, também entre essas pessoas disse ter aprendido bastante, pois “o povo haitiano é um povo de louvor. Fervoroso nos momentos de oração. Agradecem a Deus por tudo e nos ensinam a fazermos o mesmo. É uma grande lição”.

Neste país, foram acolhidos pela Fraternidade São Francisco de Assis na Providência de Deus, na qual hoje o casal está no discipulado e prestes a se consagrarem. “A fraternidade alimenta todos os dias cerca de 100 crianças e aos sábados esse número passa a cerca de 500 refeições”, contou.

Em relação à experiência missionária vivida em Uganda, Marielle explicou que, quando estiveram lá pela primeira vez em 2014, a RCC Brasil estava á frente, agora quem conduz é o Projeto Kareebi.

Segundo ela, “neste local as pessoas sofrem muito pela falta de água, além da escassez de acesso a saúde e educação. Tudo é muito difícil para a comunidade. Encontrei um povo trabalhador, porém sem muitas perspectivas de mudança se não receberem ajuda”.

“Ao mergulhar em realidades como essas que vivemos nas missões é impossível não se mover. Tocamos as chagas de Cristo e isto nos motivou a Cristificar”, expressou. Por isso, ao retornar de Uganda neste ano, sentiram em seus “corações a inspiração parar a criação da Cristificar”.

“Para cada missão que fizemos, organizamos campanhas, rifas, pedimos ajuda para amigos, colocamos investimento próprio, porém, percebemos que isso não era suficiente precisávamos algo constante e maior”.

A ideia inicial “era arrecadar dinheiro com venda de quadros para construirmos cisternas de água em Uganda. Porém, o projeto foi se transformando e criamos aromatizantes para carro com temas católicos e pensamos em abraçar também outros projetos da fraternidade da qual participamos”.

Assim, atualmente, a e-loja Cristificar tem o objetivo de “arrecadar o valor da venda de artigos religiosos e reverter 100% do lucro para as missões”, entre as quais: Projeto Kareebi, Missão Amor que Cura, Fraternidade São Francisco de Assis na Providência de Deus.

Para conhecer a loja Cristificar, basta acessar o site www.cristificar.com.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/casal-cria-loja-virtual-de-artigos-religiosos-e-reverte-toda-renda-para-missoes-62969

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.