Aberto processo de beatificação de jovem promotor de Justiça brasileiro

Segundo o site ACI Digital (30/11/2018), a Arquidiocese de Florianópolis (SC) viveu um dia especial no último domingo, 25 de novembro, quando, além de celebrar a Solenidade de Cristo Rei e o dia da padroeira do estado, Santa Catarina de Alexandria, teve a alegria de dar início ao processo de beatificação do jovem promotor de Justiça Marcelo Henrique Câmara, o Marcelinho.

“É com muita alegria que, como bispo, acolho este pedido e convido a todos para rezarmos para que, de fato, em breve possamos ter o nosso santo nascido aqui na nossa ilha e intercedendo pelas nossas necessidades. Isso nós temos certeza que ele já o faz”, declarou o Arcebispo de Florianópolis, Dom Wilson Tadeu Jönck.

O pedido de abertura do processo de beatificação foi apresentado ao final da celebração pelo postulador da causa, o vigário-geral Pe. Vitor Galdino Feller, e pela vice-postuladora, Maria Zoê Bellani Lyra Espindola, autora da biografia de Marcelinho.

Durante sua homilia, o Arcebispo fez referência à Solenidade de Cristo Rei, lembrando que o Reino instaurado por Jesus é “o amor, o perdão, a verdade, e Cristo é a verdade”. Para o Prelado, o jovem Marcelo Câmara é um exemplo de leigo que encontrou essa mensagem.

“Um dia ele também descobriu este Cristo do Evangelho e o testemunho na universidade, em todo ambiente da Justiça, com alegria entre os jovens da Arquidiocese. Na vida de um santo, o que importa é que ele manifeste a presença e a ação de Deus”, assinalou.

Quem foi Marcelo Câmara?

O jovem leigo Marcelo Henrique Câmara era uma promotor de Justiça, membro do Opus Dei, que faleceu aos 28 anos, em 2008, devido a um câncer.

Conforme indica uma breve biografia sua publicada no site do Opus Dei, o jovem nasceu em 26 de junho de 1979, em Florianópolis (SC). Formou-se em Direito e foi promotor de Justiça no estado catarinense por um pequeno período.

Fez parte do Movimento de Emaús, que atua na evangelização da juventude, onde recebeu a “graça de uma profunda conversão”. Em abril de 2006, pediu admissão como Supernumerário do Opus Dei.

“Passou a viver o espírito da Obra de maneira exemplar e fez um amplo apostolado com seus amigos e conhecidos”, indica a biografia, ressaltando que “a sua união com Deus fez com que recebesse serenamente a notícia de que estava com câncer, em 2004”.

Submeteu-se ao longo tratamento e veio a falecer em 20 de março de 2008, uma Quinta-feira Santa.

Para mais informações sobre Marcelo Câmara e seu processo de beatificação, é possível acessar o site oficial: marcelocamara.org.br.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/aberto-processo-de-beatificacao-de-jovem-promotor-de-justica-brasileiro-54098

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.