A Oração fez de Santa Teresa de Ávila uma mulher excepcional, diz Papa Francisco

Segundo o ACI (16/04/2021), o Papa Francisco enfatizou que o caminho que fez de Santa Teresa D´Ávila uma mulher excepcional, e uma pessoa de referência ao longo dos séculos, foi a oração e “seu firme propósito de cumprir a missão” que Deus lhe confiou.

O Santo Padre enviou uma vídeo-mensagem aos participantes do Congresso Internacional “Mulher Excepcional” organizado pela Universidade Católica de Santa Teresa de Jesus em Ávila, Espanha, que decorreu entre os dias 12 a 15 de abril por ocasião do 50º aniversário da proclamação da santa como Doutora da Igreja.

Em sua mensagem, o Pontífice indicou que Santa Teresa é uma pessoa que “se destacou em muitas dimensões” e lembrou que essas conquistas são uma consequência do “que era importante para ela”: a oração, sua determinação determinada e seu firme propósito de cumprir a missão confiada a ela pelo Senhor.

“Teresa de Jesus é excepcional, acima de tudo, porque ela é santa. Sua docilidade com o Espírito a uniu a Cristo e ela está ‘toda queimada no amor de Deus'”, disse ela. “A audácia, a criatividade e a excelência de Santa Teresa como reformadora são fruto da presença interior do Senhor”, acrescentou.

O Papa Francisco indicou que Santa Teresa D´Ávila ensina que o caminho que a tornou excepcional foi o caminho da oração e que este “está aberto a todos os que humildemente se abrem à ação do Espírito em suas vidas”.

“A oração fez de Santa Teresa uma mulher excepcional, uma mulher criativa e inovadora. A partir da oração, ela descobriu o ideal de fraternidade que queria tornar uma realidade nos conventos que fundou”, disse ele.

O Papa Francisco indicou que atualmente vivemos tempos desafiadores, “não tempos fáceis que precisam de amigos fiéis de Deus, amigos fortes”, porque a “grande tentação é ceder à decepção, resignação, ao terrível e infundado presságio de que tudo vai dar errado”.

“Esse pessimismo infeccioso, aquele pessimismo de pessoas incapazes de dar vida… Algumas pessoas, assustadas com esses pensamentos, tendem a se trancar, a se refugiar em pequenas coisas”, disse ela.

Ele, portanto, ressaltou que é a oração que nos permite constatar que “Deus é grande, que ele está além do horizonte, que Deus é bom, que ele nos ama, e que a história não se lhe escapou das mãos”.

O Pontífice destacou que “podemos ser encorajados a fazer grandes coisas, porque sabemos que somos favorecidos por Deus. E junto com Ele, somos capazes de alcançar qualquer desafio, pois na realidade, só sua companhia é aquela que deseja nossos corações e aquela que nos dá a plenitude e alegria daqueles que foram criados.”

Além disso, o Papa Francisco disse que a santidade não é reservada para “alguns ‘especialistas no divino’, mas é a vocação de todos os crentes”.

“A união com Cristo, que místicos como Santa Teresa experimentaram de forma especial pela pura graça, recebemos através do Batismo”, disse ele.

O Pontífice indicou que a santidade estimula e motiva os fiéis, mas não deve ser meramente copiada. Cada crente deve discernir seu próprio caminho de santidade.

“A santidade não é copiada, porque mesmo isso poderia nos tirar do caminho único e distinto caminho que o Senhor tem para cada um de nós”, esclareceu o Papa Francisco.

Finalmente, o Santo Padre observou que Deus “continua a caminhar ao nosso lado e nos levar ao objetivo que todos almejamos: a vida eterna” e nos encorajou a orar frequentemente a conhecida oração de Santa Teresa:

Nada te incomode, nada te assuste.

tudo passa, Deus não se move.

A paciência alcança tudo.

Quem tem Deus não lhe falta nada.

Só Deus basta.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/oracao-fez-de-santa-teresa-de-avila-uma-mulher-excepcional-diz-papa-francisco-69060

Be Sociable, Share!

Sobre Prof. Felipe Aquino

O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
Adicionar a favoritos link permanente.