Vivemos como os primeiros cristãos ante cultura oposta à fé, diz Bispo argentino

Redação Central, 31 de outubro de 2012 (ACIDIGITAL) – O Bispo de São Rafael (Argentina), Dom Eduardo Taussig, assegurou que os católicos atuais devem acostumar-se “a viver em um mundo como o dos primeiros cristãos, com uma estrutura cultural e jurídica que não era acorde com a fé”.

Em declarações ao grupo ACI, Dom Taussig exortou a que se acentuem nos fiéis “opções de fé mais profundas, sólidas e coerentes”.

O Prelado argentino manifestou seu agradecimento ao Papa Bento XVI pela convocatória do Ano da Fé, “que nos permite nos renovar profundamente no que é a coluna vertebral da nossa vida cristã, nosso encontro com Cristo”.

“Na Argentina se está desenvolvendo o caminho pastoral em linhas pastorais. Foi feito um documento com orientações práticas para todas as dioceses”, sobre como viver o Ano da Fé, assinalou.

Estas indicações, disse Dom Taussig, são “em primeiro lugar para viver e celebrar o Ano da Fé como nos pediu o Santo Padre, em sintonia com a Missão Continental que está sendo realizada na diocese”, e se buscará o aprofundamento na leitura do Catecismo da Igreja Católica.

Na diocese de São Rafael, indicou o Bispo, dispôs que se aprofunde nos artigos do Credo, assim como que se reze a profissão de fé e o Santo Terço, particularmente em família, e “se for possível, todos os dias”.

Além disso, as paróquias permanecerão com as portas abertas “para ensinar os conteúdos da fé ao povo de Deus durante a semana”.

Dom Taussig denunciou que na Argentina a pressão de quem promove o aborto “é muito forte”, e recordou a recente sentença da Corte Suprema que admite a realização de abortos em centros médicos públicos “a toda mulher que diga que foi estuprada. Basta somente a palavra, não importa sua idade”.

Por isso o Prelado também recordou a importância de defender os que a Igreja chamou de princípios não negociáveis, que são a defesa da vida humana, a família natural, o direito dos pais a decidir livremente a educação de seus filhos, e o bem comum.

Fonte: http://www.acidigital.com/noticia.php?id=24393

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.