Um católico e um evangélico terminam partida da Copa em oração e comovem milhões

Segundo o ACI (19/06/2018), na segunda-feira, milhões de telespectadores que acompanham a Copa do Mundo Rússia 2018 foram testemunhas de uma cena que repercutiu nas redes sociais: a foto dos jogadores Romelu Lukaku e Fidel Escobar rezando no final da partida entre as seleções da Bélgica e do Panamá no Estádio Olímpico Fisht.

As seleções se enfrentaram no dia 18 de junho como parte do Grupo G. Ao final, a Bélgica derrotou o Panamá por 3 a 0.

Terminada a partida, o belga Lukaku e o panamenho Escobar se ajoelharam no campo e rezaram durante alguns instantes.

O Diretor de Comunicação da JMJ Panamá 2019, Eduardo Soto, indicou ao grupo ACI que Fidel Escobar é evangélico. Por sua parte, Romelu Lukaku é católico.

Vários meios de comunicação e usuários das redes sociais classificaram esta cena como “a imagem do dia”.

Dois dos gols belgas foram feitos por Lukaku, que também é a estrela do time inglês Manchester United.

No começo de 2018, o proprietário do clube Everton, Farhad Moshiri, acusou Lukaku de deixar a equipe após receber “o uma espécie de vodu através de uma mensagem enviada por sua mãe”.

O porta-voz do jogador de 24 anos esclareceu que ele “é católico e o vodu não faz parte da sua vida nem das suas crenças”.

Esta não é a primeira vez que Lukaku se ajoelha para agradecer a Deus depois de uma partida. Em sua conta de Instagram publicou várias imagens nas quais é visto realizando este gesto.

Dear lord i just want to say thank you 🙏🏿 #Qualified #WC18

A post shared by Romelu Lukaku (@romelulukaku) on

Segundo informou o jornal britânico ‘The Sun’, o esportista viajou em outubro de 2014 ao Santuário Mariano da Virgem de Lourdes, na França.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/um-catolico-e-um-evangelico-terminam-partida-da-copa-em-oracao-e-comovem-milhoes-46932

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.