Tocha de São Bento será acesa em Londres

Abade de
Monte Cassino destaca origens cristãs da Europa

LONDRES,
quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011 (ZENIT.org) – A tocha de São Bento visitará o Reino Unido
pela primeira vez e Londres será o palco para a cerimônia de iluminação.

Esta
iniciativa começou em 1964, quando o Papa Paulo VI proclamou São Bento de
Núrsia como padroeiro da Europa. Simboliza a esperança, a paz e a unidade, e
faz parte da peregrinação anual ao santuário do santo em Cassino, na Itália.

No ano
passado, a peregrinação começou em Colônia, na Alemanha. Previamente, a tocha
também viajou a Nova York para levar uma mensagem de paz, após os atentados
terroristas de 11 de setembro de 2001.

Este ano, a
tocha será acesa na Abadia de Westminster, em 2 de março, em uma cerimônia
ecumênica.

No dia
seguinte, será levada à Catedral de Westminster, onde o arcebispo Vincent
Nichols celebrará uma Missa, assistido pelo abade de Monte Cassino, Pe. Pietro
Vittorelli, e por Dom Renato Boccardo, arcebispo de Spoleto-Norcia, Itália.

O Pe.
Vittorelli explicou que “a tocha de São Bento, que inaugura as
comemorações do padroeiro da Europa, é uma lembrança do passado cristão que
temos em comum em toda a Europa”.

Ele continuou:
“Através dos séculos, a cultura cristã fez parte da história da Europa, e
foi sua luz nos períodos mais negros”.

“Hoje,
a União Europeia representa uma realidade cultural, política e social comum,
que se mantém unida e fortalecida pelas nossas diferentes identidades
nacionais”, disse o abade.

Destacou
também que “a celebração de São Bento nos ajuda a recordar as raízes
cristãs da Europa e a entender melhor como essa cultura cristã fez parte, no
passado, e também faz parte, na atualidade, da cultura e da sociedade europeias
de hoje”.

Após a
cerimônia de iluminação, a tocha será transportada em peregrinação pelos monges
beneditinos de Monte Cassino, lugar ao qual chegará na véspera da festa de São
Bento, em 20 de março.

Os
peregrinos farão uma parada em Roma, onde a tocha será abençoada pelo Papa
Bento XVI.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.