O carnaval santificado e as divinas beneficências

Fidem posside cum amico in paupertate illius, ut et in bonis illius laeteris ― “Guarda fé ao teu amigo na sua pobreza, para que também te alegres com ele nas suas riquezas” (Ecclus. 22, 28). Para desagravar o Senhor ao menos um pouco dos ultrajes que lhe são feitos, os … Continue Lendo

A história da Virgem que acompanhou o Papa na Missa da Apresentação do Senhor

Segundo o ACI Digital (05/02/2017), na Missa presidida pelo Papa Francisco no dia 2 de fevereiro, Festa da Apresentação do Senhor, na Basílica de São Pedro, estava presente o ícone da “Virgem Maria Mãe da Misericórdia”, no qual se vê o Menino Jesus em seus braços e um avental nas … Continue Lendo

Qual é o sentido da festa da apresentação do Senhor ao templo?

A apresentação de Jesus no Templo mostra-o como o Primogênito pertencente ao Senhor. Com Simeão e Ana, é toda a espera de Israel que vem ao encontro de seu Salvador. Jesus é reconhecido como o Messias tão esperado, luz das nações” e “Glória de Israel”, mas também “sinal de contradição”. A espada de dor predita a Maria anuncia esta outra oblação, perfeita e única, da Cruz, que dará a salvação que Deus “preparou diante de todos os povos”.

Jesus, como os profetas anteriores a Ele, teve pelo Templo de Jerusalém o mais profundo respeito. Nele foi apresentado por José e Maria quarenta dias após seu nascimento. Com doze anos, decide ficar no Templo para lembrar a seus pais que deve dedicar-se às coisas de seu Pai. Durante os anos de sua vida oculta, subiu ao Templo a cada ano, no mínimo por ocasião da Páscoa; até seu ministério público foi ritmado por suas peregrinações a Jerusalém para as grandes festas judaicas.

Leia também: Apresentação de Jesus no Templo

O reencontro de Jesus no Templo é o único acontecimento que rompe o silêncio dos Evangelhos sobre os anos ocultos de Jesus. Nele Jesus deixa entrever o mistério de sua consagração total a uma missão decorrente de sua filiação divina: Não sabíeis que devo ocupar-me com as coisas de meu Pai?” (Lc 2,49). Maria e José “não compreenderam” esta palavra, mas a acolheram na fé, e Maria “guardava a lembrança de todos esses fatos em seu coração” (Lc 2,51), ao longo dos anos em que Jesus permanecia mergulhado no silêncio de uma vida ordinária.

Confira neste vídeo uma reflexão do Prof. Felipe Aquino sobre a Apresentação do Senhor no templo:

Quantos há que, às ocultas, todos os dias, são mártires de Cristo e proclamam que Jesus é o Senhor?

Fiel testemunha de Cristo É preciso que passemos por muitos sofrimentos para entrar no reino de Deus (At 14,22). A muitas perseguições, correspondem muitas provações; onde há muitas coroas de vitória, deve ter havido muitas lutas. Portanto é bom para ti que haja muitos perseguidores, pois entre muitas perseguições mais … Continue Lendo

Papa no Ângelus: A luz que os Reis Magos seguiram deve iluminar nossas vidas

Segundo o site ACI Digital (06/01/2017), depois da Missa da Solenidade da Epifania do Senhor, o Papa Francisco presidiu a Oração do Ângelus na Praça de São Pedro no Vaticano, onde assinalou que a Epifania é “a manifestação do Senhor que brilha como luz para as nações” e afirmou que … Continue Lendo

Hoje celebramos a Epifania do Senhor. Mas, o que é isso?

A Epifania é uma festa da luz. “Ergue-te, Jerusalém, e sê iluminada, que a tua luz desponta e a glória do Senhor está sobre ti” (Is 60, 1). Com estas palavras do profeta Isaías, a Igreja descreve o conteúdo da festa. Sim, veio ao mundo Aquele que é a Luz verdadeira, Aquele que faz com que os homens sejam luz. Dá-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus (cf. Jo 1, 9.12).

Confira neste vídeo uma explicação do Prof. Felipe Aquino sobre a Epifania do Senhor: