A Igreja e a Escravidão

Os índios Era corrente na época moderna a ideia de que os índios não eram plenamente humanos, mas seres irracionais, destituídos de capacidade de autodeterminação e, por conseguinte, de liberdade. Com isto era justificada a sua escravidão. No Brasil, serviram também como justificativa as circunstâncias da terra, inculta, que deveria … Continue Lendo

O relato de um historiador do século XVI sobre as aparições de Nossa Senhora de Guadalupe

Num sábado de mil e quinhentos e trinta e um, perto do mês de dezembro, um índio de nome Juan Diego, mal raiava a madrugada, ia do seu povoado a Tlatelolco, para participar do culto divino e escutar os mandamentos de Deus. Já amanhecia, quando chegou ao cerrito chamado Tepeyac … Continue Lendo

Descrição do manto de Nossa Senhora de Guadalupe

As nações indígenas da América (maias, astecas e outros) se comunicavam com imagens e sinais codificados que unificaram suas línguas. O Ayate (Tilma de Juan Diego) – Foi fabricado de “Ixtle” – fibra de maguey, e mede 1,68 x 1.05 e sua textura aberta é a mais inadequada para uma … Continue Lendo

Hoje é celebrado São Juan Diego, o vidente da Virgem de Guadalupe

“Amado Juan Diego, a ‘águia que fala’! Ensina-nos o caminho que conduz para a Virgem Morena de Tepeyac, para que Ela nos receba no íntimo do seu coração, dado que é a Mãe amorosa e misericordiosa que nos orienta para o Deus verdadeiro”, disse João Paulo II na canonização de … Continue Lendo

9/12 – São João (Juan) Diego Cuauhtlatoatzin

Os registros oficiais narram que Juan Diego, para nós João Diego, nasceu em 1474 na calpulli, ou melhor, no bairro de Tlayacac ao norte da atual Cidade do México. Era um índio nativo, que antes de ser batizado tinha o nome de Cuauhtlatoatzin, traduzido como “águia que fala” ou “aquele … Continue Lendo

A importância das aparições de Nossa Senhora de Guadalupe

Em 1531, os missionários espanhóis franciscanos e dominicanos evangelizavam os índios maias e astecas no México, e tinham muita dificuldade nessa missão porque esses índios eram idolatras e ofereciam aos seus muitos deuses sacrifícios humanos de milhares de rapazes e de virgens, nos altos das muitas pirâmides que podem ser … Continue Lendo