Silêncio, tema do Dia Mundial das Comunicações 2012

Em sintonia com o próximo sínodo sobre a nova evangelização

CIDADE DO VATICANO, quinta-feira, 29 de setembro de 2011 (ZENIT.org) – Bento XVI escolheu “Silêncio e palavra: caminho de evangelização” como tema do 46º Dia Mundial das Comunicações Sociais 2012, que se comemorará no dia 20 de maio, segundo divulgou hoje a Santa Sé.

“Com isso, manifesta-se o desejo do Santo Padre de sintonizar o tema do próximo Dia Mundial com a realização do sínodo dos bispos, que terá como tema precisamente ‘A nova evangelização para a transmissão da fé cristã'”, destaca um comunicado do Conselho Pontifício para as Comunicações Sociais.

“A sociedade da comunicação, com sua sobreabundância de estímulos, evidencia um valor que, à primeira vista, poderia parecer contrário a ela”, destaca o texto.

O dicastério das comunicações sociais recorda que, “no pensamento do Papa Bento XVI, o silêncio não representa somente certo contrapeso em uma sociedade marcada pelo contínuo e incessante fluxo comunicativo, mas é um elemento essencial para a sua integração”.

“O silêncio é o primeiro passo para acolher a palavra, precisamente porque favorece o discernimento e o aprofundamento”, explica o comunicado.

Segundo a Santa Sé, “não há nenhum dualismo, mas complementariedade das duas funções que, em um adequado equilíbrio, enriquecem o valor da comunicação e a convertem em um elemento essencial do serviço à nova evangelização”.

O Dia Mundial das Comunicações Sociais é o único dia mundial estabelecido pelo Concílio Vaticano II, por meio do decreto Inter Mirifica, sobre os meios de comunicação, de 1963.

Esse dia é comemorado em muitos países, de acordo com a indicação de vários bispos do mundo, no domingo anterior a Pentecostes (em 2012, será no dia 20 de maio).

A mensagem do Santo Padre para o Dia Mundial das Comunicações Sociais é publicada tradicionalmente por ocasião da festa de São Francisco de Sales, padroeiro dos jornalistas, em 24 de janeiro.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.