Sacerdote celebra “milagre de amor” em hospital dos Estados Unidos

Segundo o ACI Digital (16/05/2018), uma verdadeira história de amor se tornou viral nas redes sociais: trata-se da história de Estela, uma paciente com câncer que realizou “o sonho de sua vida” ao contrair matrimônio no hospital onde está internada nos Estados Unidos.

“Conheça Estela e Nicolás. Eles se casaram hoje. Para qualquer outra pessoa, essa seria apenas uma fotografia normal de um casamento, mas para este casal, é muito mais do que parece. Para eles, esta é uma história do triunfo do amor e da esperança”, narra em seu Twitter Pe. Gregorio Hidalgo, o sacerdote que assistiu ao matrimônio.

O sacerdote, mais conhecido como “Padre Goyo”, de 44 anos, é vigário da paróquia Santa Rosa de Lima, em Simi Valley, Los Angeles (Estados Unidos). Do mesmo modo, atende espiritualmente aos pacientes do Hospital de Simi Valley.

O padre indicou que, há três semanas, uma pessoa de sua paróquia entrou em contato com ele para que assistisse a um matrimônio dentro do hospital, o que lhe causou surpresa.

“Fui visita-los e conheci a Estela, uma bela mulher de 26 anos, com um câncer que se espalha por todo seu corpo. Os médicos lhe deram um tempo limitado de vida. Vi seu marido, ao seu lado, com um sorriso triste nos olhos, pedindo-me esperança e um milagre”, contou o presbítero.

Diante dessa situação, Pe. Goyo assegurou que não sabia o que dizer. Entretanto, sorriu para Estela e disse: “Sim. Eu farei o casamento”. O sacerdote disse que o sorriso da mulher “iluminou o quarto como nunca tinha visto antes”.

“Voltei para casa muito triste. Nunca levo comigo os casos difíceis que vejo nos hospitais, mas este foi diferente. Não pode esquecê-lo. Além disso, nunca fiz um casamento de emergência, por isso estava muito nervoso. Agora, tinha que me preparar para algo para o qual eu mesmo não estava preparado”, relatou o sacerdote.

Pe. Goyo disse que concordou em realizar um casamento privado porque Estela não podia se mover muito e tinha várias agulhas hipodérmicas conectadas. “Não vou mentir. Senti-me realmente nervoso. Isso é algo que não ensinam no seminário”, expressou.

“Chegou o dia. Peguei minha alva, estola, meu livro de ritos, minha água benta (é claro) e decidi parar na loja para comprar algumas flores, pois não esperava que tivesse muitas. Já tinha dito aos seus amigos para que a fizessem se sentir como uma noiva, e que o noivo vestisse um terno”, contou o sacerdote.

Ao chegar ao hospital, Pe. Goyo se encontrou com cerca de 60 pessoas, incluindo os médicos e enfermeiras. Os membros do hospital tinham organizado uma recepção surpresa em menos de 24 horas, indicou.

“Estela se sentiu muito melhor quando soube que o casamento aconteceria na capela. Ela estava muito bonita e cheia de vida. Dei-lhe o buquê de rosas brancas e, sorrindo timidamente, me disse: ‘Obrigada, padre. Este é o sonho da minha vida. Nunca pensei que poderia realizá-lo antes que minha vida terminasse’”, relatou.

Pe. Goyo admitiu que teve que “reunir todas as suas forças para não chorar”, devolver o sorriso para Estela e ajudá-la a se levantar.

“Acompanhei tanto o noivo como a noiva à capela e começamos. Nunca havia prestado tanto atenção a esses votos: ‘Prometo ser fiel na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, todos os dias da nossa vida’”.

“Neste ponto, os soluços eram mais fortes do que a música”, narrou o sacerdote.

Depois da cerimônia, o noivo, Nicolás, disse ao Pe. Goyo: “Obrigado, padre, pelo milagre que lhe pedi. Tudo o que queria era que Deus abençoasse meu amor por ela e aconteceu. Obrigado”.

“Não sei o que o futuro tem para Estela e Nicolás. Não sei o que acontecerá amanhã, mas hoje desfrutamos do milagre do amor que fortalece os enfermos. Hoje a esperança, a fé e o amor ganharam e, mais um dia, todos demos graças a Deus”, disse o religioso.

Finalmente, assegurou que Estela e Nicolás “experimentaram aquele amor que conquista o coração sem esperança, tristeza ou sofrimento”, um “amor que traz lágrimas de alegria, na saúde ou na doença, até que a morte rompa o vínculo terreno”.

“Meus queridos amigos, amo ser parte de seu testemunho. Deus os ama”, concluiu Pe. Goyo.

Fonte: https://www.acidigital.com/noticias/sacerdote-celebra-milagre-de-amor-em-hospital-dos-estados-unidos-fotos-86889

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.