Romaria exalta a Santa Cruz

No dia 14 de setembro celebramos a festa da Exaltação da Santa Cruz, recordando a doação definitiva de Jesus Cristo em favor da humanidade. Aqui na Diocese de Santa Cruz do Sul celebramos a festa com a Romaria da Santa Cruz, que é a nossa Romaria Diocesana.

A Cruz de Jesus é um mistério. Sua linguagem “é loucura para aqueles que se perdem, mas para aqueles que se salvam, para nós, é poder de Deus” (1 Cor 1,18). Antes de tudo, ela é a manifestação do amor de Deus para com a humanidade, quando Jesus, ao ver que “tudo estava consumado, inclinou a cabeça e entregou o espírito” (Jo 19,30).

Para nós cristãos, o lenho sagrado é o maior símbolo da fé. Quando somos apresentados à comunidade cristã, na cerimônia batismal, o primeiro gesto de acolhida é o sinal da cruz traçado em nossa fronte pelo ministro, pais e padrinhos. Quando o fiel olha para a Cruz de Cristo, vê o sacrifício. Não o sacrifício suportado com desespero, mas o sacrifício que reflete esperança e prepara a ressurreição. Por isso, a festa da Exaltação da Santa Cruz é a festa da Exaltação do Cristo vencedor, sendo que nós somos elevados para o alto junto com o Crucificado. Daí proclamarmos que é da Cruz que deriva toda a vida da Igreja, e manifestarmos o nosso desejo de colaborar com Cristo na salvação dos homens, aceitando a cruz, que a carne e o mundo fizeram pesar sobre nós (G.S. 38).

O lenho da Cruz é santo e sagrado para nós, porque dele pendeu o Salvador do mundo. “Quando Eu for exaltado, então atrairei todos a Mim” (João 12,32). Por isso é justo que veneremos a cruz, sinal e instrumento da nossa libertação. Objeto de desprezo, patíbulo de infâmia, até o momento em que Jesus, obediente até a morte, nela foi suspenso. A cruz tornou-se, desde então, motivo de glória e pólo de atração para todos os homens.

Como você vê, o madeiro sagrado é a expressão da glória e da exaltação de Cristo. Celebrando a Festa da Exaltação da Santa Cruz, celebramos a vitória de Cristo, que nos possibilita desde agora celebrar a nossa futura glória no céu. Pois, se morremos com Cristo, cremos também que viveremos com Ele (Rm 6,9).

É com este espírito de fé e devoção à cruz de Cristo que convidamos todos para a grande celebração da 10ª Romaria da Santa Cruz. Durante a Romaria, somos convidamos a acolher com devoção a relíquia da Santa Cruz, que será apresentada oficialmente aos peregrinos e romeiros no final da celebração eucarística.

Pelo sinal da Cruz, invocamos a bênção de Deus sobre todos: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

***
Dom Canísio Klaus
Bispo de Santa Cruz do Sul – RS

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.