Rádio Novo Tempo: União homoafetiva fere Constituição brasileira, afirma jurista

Publicado em segunda-feira, 9 de maio de 2011 às 14:41

A pedido da Procuradoria Geral da República e do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, o Supremo Tribunal Federal aprovou, na última quinta-feira (5), a união estável entre casais do mesmo sexo.

Para saber mais sobre o assunto, o jornal Conexão Novo Tempo entrevistou o jurista Ives Gandra Martins, que é professor Emérito de Direito Constitucional na Universidade Presbiteriana Mackenzie.

De acordo com o jurista, as decisões tomadas pelo Supremo Tribunal Federal feriram e alteraram a Constituição brasileira, pois deveriam ser avaliadas pelo Congresso Nacional e pela população, através de plebiscito.

Ouça a entrevista completa e saiba mais sobre o tema que tem gerado polêmica na sociedade brasileira (Link para o site e áudio da entrevista de Dr. Ives Gandra)

<http://novotempo.com/radio/2011/05/09/uniao-homoafetiva-fere-constituicao-brasileira-afirma-jurista/ives-gandra/>

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.