Presidente da CNBB envia carta à Dilma reafirmando posicionamento contrário ao aborto

Brasília (Sexta-feira, 17-02-2012, Gaudium Press) O presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Cardeal Dom Raymundo Damasceno Assis, enviou uma carta à presidenta da República, Dilma Rousseff, voltando a afirmar a posição contrário da Igreja Católica ao aborto.

A informação do envio da missiva foi dada pelo próprio cardeal em entrevista coletiva realizada na última quinta-feira, 16. Na ocasião, Dom Raymundo evitou dar mais detalhes a respeito do motivo do envio. O prelado afirmou que só iria fazê-lo depois que Dilma receber o documento.

Presente na coletiva, o secretário-geral da CNBB, Dom Leonardo Steiner, concedeu algumas pistas da motivação. O prelado afirmou que a entidade não trata a questão do aborto de forma ideológica, mas está preocupada exclusivamente com a vida humana.

“Se Deus teve a delicadeza de se tornar feto, de se tornar criança [representado por Nosso Senhor Jesus Cristo], devemos ter pelo ser humano um grande respeito, na situação de um embrião. Por isso, a posição da Igreja sobre o aborto é fundamental”.

Com informações da Agência Brasil.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.