Possível canonização de Jérôme Lejeune

13_abr_lejeune130412No último dia 24, o site Gaudium Press informou que  Jérôme Lejeune, pai da medicina genética moderna, que descobriu o gene que causa a síndrome de Down e outras enfermidades cromossômicas não recebeu o Prêmio Nobel de Medicina.

Tudo leva a crer que, em uma data não muito distante, Jêrome receba um reconhecimento universal muito maior que o conferido pela Academia de Ciências da Suécia: poderá ser canonizado em breve.

Para ver, clique aqui. -> http://www.arautos.org/tv/interna.html?id=7437&title=+Poss%C3%ADvel+canoniza%C3%A7%C3%A3o+de+J%C3%A9r%C3%B4me+Lejeune%2C++pai+da+medicina+gen%C3%A9tica+moderna

Fonte: http://www.gaudiumpress.org/content/57108#ixzz2xqR1s3Ec

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.