Por que o Papa decidiu canonizar juntos João Paulo II e João XXIII?

ppjpiijuanxxiii020713Em entrevista ao jornal do Vaticano L’Osservatore Romano o Cardeal Angelo Amato, Prefeito da Congregação para a causa dos Santos  respondeu à pergunta: “Que significado tem na ótica do Papa Francisco ter escolhido canonizar juntos João XXIII e João Paulo II?”

O site ACI informou que , na edição de 6 de julho do  L’Osservatore Romano, o Cardeal assinalou que “ambos os Pontífices têm duas referências comuns: o Concílio (Vaticano II), como evento evangélico de caridade e de paz, e a Igreja, como mãe generosa e pressurosa, que se faz próxima a todo ser humano para dar consolo, ajuda, sustento e esperança”.

O Cardeal recordou que “João é o Papa bom, pai de todos, católicos e não. Ele abraçava à humanidade e a abençoava. João Paulo II é o Papa que em suas centenas de viagens visitou o mundo inteiro, fazendo-se mensageiro de paz e promotor da vida, da fraternidade entre povos, da acolhida generosa dos necessitados”.

“Ambos foram protagonistas do (Concílio) Vaticano II. Em segundo lugar, ambos alcançaram o heroísmo das virtudes cristãs, quer dizer a santidade. A santidade é sua característica essencial. Santidade que significa viver a vida boa do Evangelho nas situações em que a Providência os colocava”.

“Para João XXIII foi responder com coragem e solicitude à aspiração de convocar um Concílio ecumênico. Para João Paulo II foi ter atualizado o Vaticano II colocando em evidência suas ricas implicâncias teológicas, litúrgicas, pastorais, devocionais, canônicas e catequéticas”.

Para o Cardeal Amato, “João XXIII abriu o caminho ao aggiornamento. João Paulo II, continuando a obra pioneira de Paulo VI, levou a ulteriores desenvolvimentos o fermento de tal aggiornamento. Hoje a Igreja vive desta herança dupla, da simplicidade do Papa bom e do dinamismo do Papa misericordioso e sofredor”.

O Prefeito da Congregação vaticana destacou que com a canonização destes dois Papas, enriquece-se a lista de “pastores sábios e santos: o venerável Pio XII, (o futuro) São João XXIII, o venerável Paulo VI, o servo de Deus João Paulo I, (o futuro) São João Paulo II. São pontífices que fizeram coincidir seu magistério com a santidade da vida”.

Fonte: http://www.acidigital.com/noticia.php?id=25670

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.