Pontifícia Universidade Católica de Minas é eleita a melhor universidade privada do Brasil

BELO HORIZONTE, 07 Out. 11 (ACI) – A PUC Minas foi escolhida pela terceira vez a melhor universidade privada do país. O prêmio Melhores Universidades é concedido pela publicação Guia do Estudante, da Editora Abril.

Segundo informou a arquidiocese de Belo Horizonte, a Universidade recebe o prêmio pela segunda vez consecutiva. No ano passado e em 2006, a PUC Minas foi considerada a melhor universidade privada do Brasil pela mesma publicação. Além desta premiação institucional, o Guia do Estudante também avalia os cursos de graduação. Neste ano de 2011, o curso de Relações Internacionais recebeu cinco estrelas, conceito máximo. Entre os outros cursos da Universidade, 27 receberam quatro estrelas, muito bom, e 26, três estrelas, bom.

Os conceitos são dados por consultores – docentes, diretores de departamento e avaliadores do Ministério da educação (MEC)- que classificam os cursos com base em um questionário, entre outras formas de avaliação, preenchido pelos coordenadores de cada curso avaliado.

A avaliação de cursos superiores do Guia do Estudante existe há mais de duas décadas. O resultado completo da premiação será divulgado na publicação GE Profissões Vestibular 2012, que circulará nas bancas a partir desta quinta-feira.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.