Piedade popular pode ser instrumento da nova evangelização

Reúne-se no Vaticano a Comissão Pontifícia para a América Latina

CIDADE DO VATICANO, quarta-feira, 6 de abril de 2011 (ZENIT.org) – A piedade popular, purificada de desvios, pode ser um importante instrumento para a nova evangelização da América Latina.

Esse é o tema sobre o qual debatem os membros da Comissão Pontifícia para a América Latina, reunidos desde ontem em Roma em sessão plenária. Na sexta-feira, eles se reunirão com o Papa.

Segundo informou ‘Rádio Vaticano’, o objetivo desta reunião é refletir “sobre a importância da piedade popular na América Latina, fazendo um balanço do que significou durante estes cinco séculos”.

O propósito é que a piedade popular, “através da missão continental, se proteja, promova e purifique como um válido e eficaz instrumento de encontro pessoal e comunitário com o Senhor”, para que “Jesus Cristo, caminho, verdade e vida, seja reconhecido, aceito, amado e vivido na história pessoal de todos os batizados e conduza a uma vida sacramental mais plena”.

Por isso, um dos objetivos dos debates é reconhecer a “incidência da piedade popular no processo de evangelização do continente”, mas também “identificar os desvios que se registraram e que é preciso corrigir”.

A Comissão pretende elaborar algumas recomendações pastorais concretas para todos os bispos da América Latina, “para que a piedade popular – considerada por Bento XVI como o precioso tesouro da América Latina – seja valorizada e impulsionada como instrumento válido e iniludível no processo da nova evangelização”.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.