Papa Francisco aprova a promulgação de 63 novos beatos

1_0_676038O site Gaudium Press informou nesta segunda-feira (01 de abril de 2013) que na quarta passada, o Papa Francisco autorizou a Congregação da Causa dos Santos promulgar os decretos de 63 novos Beatos e 7 novos Veneráveis servos de Deus. Dentre eles os mártires da guerra civil espanhola, dos regimes comunistas da Europa do Leste e do nazismo. São estes:

– o milagre atribuído à intercessão da venerável Serva de Deus Maria Teresa Bonzel (Regina Cristina Guglielmina), Fundadora das Pobres Irmãs Franciscanas da Adoração Perpétua de Olpe; nascida em Olpe, Alemanha, em 17 de setembro de 1830 e falecida em 6 de fevereiro de 1905;

– o martírio dos Servos de Deus Emanuele Basulto Jiménez, Bispo de Jaén, Espanha, e 5 companheiros; mortos no ódio à Fé na Espanha, entre 1936 e 1937;

– o martírio dos Servos de Deus Giuseppe Massimo Moro Briz e 4 companheiros, Sacerdotes da Diocese de Ávila, Espanha; mortos no ódio à Fé na Espanha, em 1936;

– o martírio do Servo de Deus Vladimiro Ghika, sacerdote diocesano: nascido em Istambul, Turquia, em 25 de dezembro de 1873 e morto no ódio à Fé em Bucarest, Romênia, em 16 de maio de 1954;

– o martírio dos Servos de Deus Gioacchino Jovaní Marin e 14 companheiros, da Sociedade dos Sacerdotes Operários Diocesanos; mortos no ódio à Fé na Espanha entre 1936 e 1938;

– o martírio dos Servos de Deus Andrea da Palazuelo (Michele Francesco González Ganzáles), Sacerdote professo da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos e 31 Companheiros; mortos no ódio à Fé na Espanha entre 1936 e 1937;

– o martírio do Servo de Deus Giuseppe Girotti, Sacerdote professo da Ordem dos Frades Pregadores; nascido em Alba, Itália, em 19 de julho de 1905 e morto no ódio à Fé em Dachau, Alemanha em 1945;

– o martírio do Servo de Deus Stefano Sándor, leigo professo da Sociedade de São Francisco de Sales; nascido em Szolnok, Hungria em 26 de outubro de 1914 e morto no ódio à Fé em Budapest, Hungria, em 8 de junho de 1945;

– o martírio do Servo de Deus Rolando Rivi, aluno de Seminário; nascido em San Valentino de Castellarano, Itália, em 7 de janeiro de 1931 e morto no ódio à fé em Piane di Monchio, Itália, em 13 de abril de 1945;

– as virtudes heróicas do Servo de Deus Eladio Mozas Santamera, Sacerdote dicoesano, Fundador das Irmãs Josefinas da Santíssima Trindade; nascido em Miedes de Atienza, Espanha, em 18 de fevereiro de 1837 e falecido em Plasencia, Espanha, em 18 de março de 1897;

– as virtudes heróicas do Servo de Deus Emanuel Aparício Navarro, Sacerdote diocesano; nascido em Madrid, Espanha, em 11 de dezembro de 1902 e falecido em 28 de agosto de 1954;

– as virtudes heróicas do Servo de Deus Mosè Lira Serafin, Sacerdote professo dos Missionários do Espírito Santo, Fundador da Congregação dos Missionários da Caridade de Maria Imaculada; nascido em Tlatempa, México, em 16 de setembro de 1893 e falecido na Cidade do México em 25 de junho de 1950;

– as virtudes heróicas do Servo de Deus Generoso do Santíssimo Crucifixo (Angelo Fontanarosa), Sacerdote professo da Congregação da Paixão de Jesus Cristo; nascido em Vetralla, Itália, em 6 de novembro de 1881 e falecido em Mascalucia, Itália, em 9 de janeiro de 1966;

– as virtudes heróicas do Servo de Deus Olinto Marella, Sacerdote diocesano; nascido em Pellestrina, Itália, em 14 de junho de 1882 e falecido em San Lazzaro Dio Savena, Itália, em 6 de setembro de 1969;

– as virtudes heróicas do Servo de Deus Antonio Kowalczyk, Irmão Leigo da Congregação dos Missionários Oblatos da Beata Virgem Maria Imaculada; nascido em Dzierzanów, Polônia, em 4 de junho de 1866 e falecido em Edmonton, Canadá, em 10 de julho de 1947;

– as virtudes heróicas da Serva de Deus Silvia Cardoso Ferreira da Silva, Leiga; nascida em Paços de Ferreira, Portugal, em 26 de julho de 1882 e falecida em Porto, Portugal, em 2 de novembro de 1950.

Fonte: http://www.gaudiumpress.org/content/45367-Papa-Francisco-autoriza-o-reconhecimento-de-63-novos-Beatos#ixzz2PIwkMYqJ

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.