Papa Bento XVI: Como Maria, devemos centrar a vida em Deus que é fonte de alegria


Com estas Palavras o Papa Bento XVI exortou os fiéis reunidos na Gruta da Virgem de Lourdes nos Jardins Vaticanos, por ocasião da conclusão do mês de maio:

“Esta tarde -disse- queremos nos dirigir ao Coração Imaculado de Maria com renovada confiança, para deixar-nos contagiar por sua alegria, que encontra seu manancial mais profundo no Senhor”.

A alegria, continuou o Santo Padre é “fruto do Espírito Santo e um traço distintivo do cristão. Fundamenta-se na esperança em Deus, tira forças da oração incessante e permite enfrentar com serenidade as tribulações”.

“São Paulo nos recorda: ‘Sede alegres na esperança, pacientes na tribulação, constantes na oração’. Estas palavras do apóstolo são como um eco do ‘Magnificat’ de Maria, e nos exortam a reproduzir em nós mesmos, na vida de todos os dias, os sentimentos de alegria na fé próprios do cântico Mariano”.

O Papa concluiu suas palavras expressando seu desejo de que esta alegria espiritual, “que transborda do coração cheio de gratidão da Mãe de Cristo e nossa Mãe, (.) consolide-se em nosso ânimo, em nossa vida pessoal e familiar, em todos os ambientes, especialmente na vida desta família que aqui, no Vaticano, a Igreja universal”.

Leia a notícia na íntegra: http://www.acidigital.com/noticia.php?id=23712

Fonte: ACIDIGITAL

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.