Os números da corrupção no Brasil

A Revista VEJA (n.44, ed. 2240 – n. 43 , 26/10/2011) publicou uma matéria estarrecedora que todo brasileiro precisa conhecer e se indignar.

Ela apresenta os números da corrupção atual no Brasil, e o que se poderia fazer com este dinheiro enorme que vai para o bolso dos corruptos.

Veja os dados. Não é à toa que no dia de Nossa Senhora Aparecida os cardeais D. Odilo Scherer e D. Raimundo Damascendo, presidente da CNBB, estimularam o povo a se indignar contra essa situação inacreditável de corrupção. Que ninguém se omita em defesa da Pátria e dos pobres.

Dez motivos para se indignar com a corrupção (capa)* (Escolha uma das alternativas)

Com 85 bilhões de reais surrupiados pelos corruptos brasileiros no último ano seria possível:

1 – Erradicar a miséria

2 – Custear 17 milhões de sessões de quimioterapia

3 -Custear 34 milhões de diárias de UTI nos melhores hospitais

4 – Construir 241 km de metrô

5 – Construir 36.000 km de rodovias

6 -Costruir 1,5 milhões de casas

7 – Reduzir 1,2% na taxa de juros

8 – Dar a cada Brasileiro um prêmio de 443 reais

9 – Custear 2 milhões de bolsas de mestrado

10 Comprar 18 milhões de bolsas de luxo

(Iguais aquelas que os corruptos presenteiam suas mulheres e amantes)

Matéria completa pg. 76 – “São 720 bilhões de reais roubados nos últimos 10 anos”.

19% municipal; 30% estadual; 51% federal

Os ministérios campeões em irregularidades:

Saúde – 2,2 bilhões

Integração Nacional – 1,1 bilhão

Educação – 700 milhões

Fazenda – 617 milhões

Trabalho e Emprego – 475 milhões

Planejamento – 440 milhões

Meio Ambiente – 260 milhões

Cultura – 184 milhões

Ciência e Tecnologia – 130 milhões

Previdência – 120 milhões

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.