O que fazer quando temos medo de casar?

Tenho 19 anos, e estou noiva. Sinto muito medo de me casar, mas eu quero me casar, pois sinto um grande desejo de constituir uma família, porém estou muito confusa e com muito medo. O senhor poderia me dizer algo?

Se você tem vocação para o matrimônio e ama seu noivo, se entendem, então, não tenha medo de se casar; apenas se case consciente do que está fazendo; se prepare bem em todos os aspectos. O casamento é como um sacerdócio onde entregamos a vida ao cônjuge e aos filhos que vão nascer; é uma vida de sacrifício, de renúncias para se fazer a vontade de Deus, que quer bons esposos e bons pais. Mas é uma vida cheia de realizações, especialmente com os filhos e depois com os netos. O casamento não é uma “curtição” a dois; mas uma missão a cumprir a dois, a bela missão de fazer o outro crescer e de colocar os filhos no mundo e educá-los para Deus. É aqui que muita gente se engana, e por isso fracassa no casamento.

Leia também: O verdadeiro sentido do casamento

Como posso regularizar a minha situação com a Igreja se meu companheiro não deseja o matrimônio?

O alto custo dos casamentos está inibindo os casais católicos?

Estou namorando. Como saber se está na hora de me casar?

O Noivado e a Igreja

Se você tem essa maturidade, então, não tenha medo de se casar com a pessoa que ama e que tem os mesmos valores seus, e que entende tudo isso.

Prof. Felipe Aquino

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.