“O mundo não irá acabar dia 21 de dezembro”, desmistifica astrônomo do Vaticano

O site ACI/EWTN Noticias divulgou neste sábado (15 de dezmebro de 2012), uma notícia para acalmar o coração de muita gente. O sacerdote argentino José Gabriel Funes, diretor do Observatório Astronômico do Vaticano, escreveu um artigo para o jornal italiano L’Osservatore Romano para esclarecer a todos que o mundo não irá acabar dia 21 de dezembro deste ano, como afirma a profecia dos Maias que está circulando pelo mundo.

Segundo o Pe. Gabriel Funes a base científica desta teoria não é verdadeira, cuja  ideia defende que o mundo deve terminar com o alinhamento dos planetas e dos sol com o centro da nossa Galáxia e a inversão dos pólos magnéticos do campo terrestre. Além disso, ele também afirma na notícia que conhece bastante a cultura maia e leva na “esportiva” o fato de que o mundo irá acabar este ano: “Então, o perito ensinava na Universidade de Tegucigalpa (Honduras) um curso de astronomia extragaláctica, “que não se trata de um estudo dos jogadores do Real Madrid, mas sim das galáxias”, brinca”.

Para o diretor do Observatório Astronômico do Vaticano, o universo e a história têm sentido e no interior do ser humano está a convicção fundamental de que a morte não pode ter a última palavra e conclui suas palavras dizendo: “A cosmologia nos mostra que o universo caminha a um estado final de frio e de escuridão; a mensagem cristã nos ensina por outro lado que na ressurreição final, o último dia, Deus reconstituirá cada homem e cada mulher e o universo inteiro”.

Fonte: http://www.acidigital.com/noticia.php?id=24619

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.