O Espelho de Gandhi

espelho-712392[1]Perguntaram a Mahatma Gandhi, o grande libertador da Índia, pela “não violência”, quais são os fatores que destroem os seres humanos. Ele respondeu:

“A Política, sem princípios;

o Prazer, sem compromisso;

a Riqueza, sem trabalho;

a Sabedoria, sem caráter;

os negócios, sem moral;

a Ciência, sem humanidade;

a Oração, sem caridade.

A vida me ensinou que as pessoas são amigáveis, se eu sou amável;

que as pessoas são tristes, se estou triste;

que todos me querem, se eu os quero;

que todos são ruins, se eu os odeio;

que há rostos sorridentes, se eu lhes sorrio;

que há faces amargas, se eu sou amargo;

que o mundo está feliz, se eu estou feliz;

que as pessoas ficam com raiva quando eu estou com raiva

e que as pessoas são gratas, se eu sou grato.

A vida é como um espelho: se você sorri para o espelho, ele sorri de volta. A atitude que eu tome perante a vida é a mesma que a vida vai tomar perante a mim.

Quem quer ser amado, ama. O caminho para a felicidade não é reto.

Existem curvas chamadas EQUÍVOCOS,

existem semáforos chamados AMIGOS,

luzes de cautela chamadas FAMÍLIA,

e tudo se consegue se tens: um estepe chamado DECISÃO,

um motor poderoso chamado AMOR,

um bom seguro chamado FÉ,

combustível abundante chamado PACIÊNCIA,

mas acima de tudo um motorista habilidoso chamado DEUS!”

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.