Nove de cada dez espanhóis são católicos

MADRI, 22 Jul. 11 / 07:02 pm (ACI/Europa Press) Nove de
cada dez espanhóis são católicos, revelou um estudo publicado pelo
Escritório Central de Estatística da Igreja a partir dos dados de
dezembro de 2010, com motivo da próxima viagem apostólica do Papa Bento
XVI a Madri para celebrar a Jornada Mundial da Juventude.

O relatório revela que 42.4 milhões de espanhóis, ou seja, 92.18 por
cento, são católicos. Além disso, indica que 1.4 milhões de estudantes
recebem sua formação nos 5535 centros de educação católicos que existem
no país, desde o ensino fundamental até a universidade.

Além disso, a pesquisa indica que existem 70 circunscrições
eclesiásticas e 22 890 paróquias administradas por 126 bispos, 24 778
sacerdotes, 54 184 religiosos, 2 826 membros leigos de institutos
seculares e 99 581 catequistas. Do mesmo modo, existem 1 258
seminaristas menores e 1 866 maiores.

Atendendo aos centros caritativos e sociais de propriedade da Igreja ou
dirigidos por eclesiásticos ou religiosos, o estudo aponta que na
Espanha há 77 hospitais, 54 ambulatórios, um leprosário, 803 lares para
anciãos e portadores de deficiência, 391 orfanatos e creches, 293
consultórios familiares e outros centros para o amparo da vida, 3 323
centros especiais de educação ou reeducação social e 632 instituições de
outro tipo.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.