Notícias Escola da Fé: 10/11/2011

 Ateus perdem  – 396 x 9
Nesta semana o Congresso dos Estados Unidos votou favoravelmente à permanência do lema nacional “In God We Trust” [Em Deus Confiamos] frase garantida como lema desde 1956 e que já foi fixada em várias partições públicas daquele país.

Segundo o jornal The Washington Post esse lema tem resistido às constantes reclamações de grupos ateus que dizem que ele fere a laicidade do Estado e que, portanto, precisa deixar de existir. Mas a votação mostrou o contrário, foram 396 votos a favor e nove contra.
Nas palavras do republicano James Randy Forbes, “Deus continuará presente no Congresso”, ele diz também que os burocratas querem eliminar Deus do domínio público, se referindo a inúmeros recursos que foram abertos por indivíduos e agência governamentais para tirar a menção de Deus do governo. A frase em questão aparece também nas moedas e notas de dólar desde a Guerra Civil.

Ela também aparece nos edifícios federais da justiça. “A medida que nossa nação enfrenta tempos difíceis, é apropriado que os membros do Congresso e nosso país declarem com decisão nossa confiança em Deus, crendo que será mantida nas gerações vindouras”, disse Forbes.

Fonte:
http://www.comshalom.org/blog/carmadelio/27120-ateus-perdem-feio-nos-estados-unidos-entenda-porque

***

Protesto na Polônia contra a remoção do crucifixo do parlamento
Os  poloneses Grzegorz Pabijan e Maciej Maleszyk estão organizando na Polônia um protesto contra uma iniciativa parlamentar que visa remover o modesto crucifixo do Sejm (equivalente a nossa Câmara dos Deputados). O pedido para tirar a cruz foi feito pelo partido Ruch Palikot (RP), fundado pelo anticlerical e libertário Janusz Palikot, alegando que o símbolo da Polônia é a águia branca e que a cruz foi colocada só depois da queda do comunismo. O partido de Palikot também defende abertamente o aborto, a legalização das drogas, o “casamento” homossexual, a dissolução do Senado e o fim da educação religiosa nas escolas públicas.

O partido conservador Direito e Justiça (PiS) anunciou que fará oposição à proposta e defenderá a manutenção do crucifixo ao lado da águia branca. “Não devemos ter vergonha de ser católicos, de ser uma nação de maioria católica. Cada nação tem a sua própria tradição e se alguém a quer eliminar, quer eliminar a nação”, disse Jaroslaw Kaczynski, chefe do PiS, à AFP.

Fonte:
http://conservador.blog.br/2011/10/protesto-na-polonia-contra-remocao-da.html

***

Na Zâmbia, presidente católico pretende basear seu governo segundo os Dez Mandamentos
(São Paulo, segunda-feira, 24 de outubro de 2011) “Este governo vai estar baseado nos Dez Mandamentos: Não roubarás e te comportarás com o próximo como gostaria que o próximo se comportasse contigo”, declarou Michael Sata, novo presidente da Zâmbia, que tomou posse no último 23 de setembro (Cfr.: El Pais, 10/10/11). Michael Sata, com 74 anos, é o primeiro presidente católico do país. Em sua juventude mudou-se para a metrópole e trabalhou como faxineiro e carregador de malas em diversas estações ferroviárias de Londres. Voltou a seu país em 1964, antes da independência e ocupou vários cargos de ministro no governo de Kenneth Kaunda, o primeiro presidente da Zâmbia.

***

Wikipedia censura informação contrária ao aborto
A agência AICA informou que o site em inglês da enciclopédia online Wikipedia bloqueou a publicação de informação científica contrária ao aborto, diante dos insistentes esforços de um grupo de jovens locais que buscou dar aos usuários desse site acesso a prestigiosos estudos sobre a síndrome pós- aborto. Conforme informa AICA, um grupo de jovens estudantes do colégio Mallinckrodt de Buenos Aires, motivadas por uma investigação realizada em uma aula de biologia sobre o síndrome post aborto (SPA), comprovaram que a Wikipedia em inglês, nega que o SPA esteja reconhecido por alguma “organização médica ou psicológica e que seus riscos de depressão ou suicídio não são reconhecidos pela literatura científica”.
“As jovens reuniram uma extensa documentação científico-médica de reconhecimento internacional e tentaram carregar os dados obtidos de instituições oficiais e ONGs de distintos países na Wikipedia para conhecimento geral”, indicou AICA. “Quisemos demonstrar que estava tratado cientificamente em muitos livros e por muitos cientistas como por exemplo o Dr. Reardon, diretor do Elliot Institute Springfield, ou o Dr. Phillip Ney, que realizou trabalhos a respeito e Mika Gissler, Elina Hemminki, Jouko Lonnqvist, entre outros”, afirmaram.

Fonte: http://www.bibliacatolica.com.br/blog/

***
Rebeldes católicos desafiam bispos austríacos
(Reuters/Brasil Online VIENA (Reuters – 07/11/2011) – Dissidentes católicos austríacos anunciaram que leigos começarão a celebrar missas quando um sacerdote não estiver disponível, um claro apelo à desobediência num momento em que os bispos do país realizam sua conferência de outono.

Um manifesto adotado por dezenas de ativistas no fim de semana disse que os leigos vão pregar, consagrar e distribuir a comunhão nas paróquias sem padre, disse Hans Peter Hurka, chefe do grupo “Nós Somos a Igreja”.
“A lei da Igreja proíbe isso. A pergunta é, pode a lei da Igreja se sobrepor à Bíblia? Somos da opinião, com base nos achados do Concílio Vaticano 2o, que esta (proibição) não é possível”, disse ele na segunda-feira.

Um grupo de sacerdotes divulgou um “Chamado à Desobediência” para tentar pressionar pela reforma. Os sacerdotes dissidentes, dizem que vão quebrar as regras da Igreja dando a comunhão a protestantes e católicos divorciados novamente casados. Grupos de reforma católica na Alemanha, Irlanda e Estados Unidos têm feito exigências semelhantes.

Fonte:
http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2011/11/07/rebeldes-catolicos-desafiam-bispos-austriacos-925747728.asp#ixzz1d3FjMH7j

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.