Não ao aborto: Menina grávida no México compreende “que em seu ventre cresce uma vida”

CHETUMAL, 18 Abr. 10 (ACI) .

– A menina grávida de 17 semanas de gestação, na localidade de Chetumal, estado de Quintana Roo, no México, que está prestes a cumprir 11 anos, sabe “que em seu ventre cresce uma vida” a qual distintos grupos feministas pretendem aniquilar através do aborto para impulsionar sua agenda ideológica.

O dramático caso desta pequenina é manipulado por distintos setores abortistas que procuram a qualquer preço praticar nela um aborto, no mencionado estado mexicano que blindou constitucionalmente a vida desde a concepção até a morte natural.

Ela segue recebendo os cuidados de saúde que necessita e realizou alguns testes psicológicos. Estes últimos estudos, explica Lizbeth Gamboa Song, diretora do Sistema Nacional para o Desenvolvimento Integral da Família (DIF) estatal, permitiram entender que a pequena “sabe por onde vai nascer o bebê. É uma pessoa que sabe muito bem o que a espera”.

O Dr. Juan Carlos Navarrete Jaimes, da Clínica Mérida S.A realizou uma ultra-sonografia e outros exames. A respeito destes exames Gamboa assinala que o médico “emitiu-nos um documento por escrito, o qual está integrado ao expediente da menor, onde ele considera que o estado de saúde da menina e do bebê são bons, e nos emite certos cuidados pré-natais que deveremos tomar em consideração como instituição, obviamente para protegê-la e ampará-la para continuar cumprindo com o que nos corresponde”.

Lizbeth Gamboa explica ademais que “a psicóloga por escrito nos referiu que ela é muito consciente da situação física que atravessa, é muito consciente do que acontece com seu corpo”.

A menina, assegura Gamboa, “é muito consciente que em seu ventre cresce uma vida, é muito consciente dos cuidados tem deve ter, é uma pessoa que sabe muito bem o que a espera. Entretanto, não conhece as com profundidade as conseqüências do que vai significar crescer ou cuidar de uma criança no futuro” devido à sua curta idade.

A diretora do DIF afirma que a pequena “sabe muito bem sobre a parte prévia a uma gravidez, sabe que vai crescer o seu ventre, sabe que em algum momento vai romper-se a bolsa, sabe por onde vai nascer o bebê, etc”.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.