Mulher que trabalha pelas leis pró-vida nos EUA obtém prêmio Life 2010

Marie Smith

WASHINGTON
DC, 23 Nov. 10 / 12:09 pm (ACI).-
A fundadora e diretora da Rede Parlamentar para Assuntos Críticos (PNCI por
suas siglas em inglês), Marie Smith, é uma das seis pessoas que receberão o
Prêmio Life 2010 da Fundação Gerard para a Saúde, por obter um “progresso
significativo na promoção da santidade da vida humana”.

A Rede Parlamentar que dirige Marie Smith ajuda legisladores e líderes
religiosos de todo o mundo com assessoria e materiais para que possam
desenvolver leis a favor da vida. Esta associação se opõe radicalmente à
ideologia que propõe que a vida é “barata e descartável” ou que
aqueles que estão ao final de sua vida “não merecem o direito a
viver”.

O prêmio Life, que distribuirá 600 mil dólares entre os seis ganhadores, tem
como propósito reconhecer aqueles na primeira linha da “luta por salvar
vidas” e “promover e inspirar” os jovens a obterem grandes
vitórias na defesa da vida.

Os outros cinco ganhadores do Prêmio Life são Jeanne Head, representante das
Nações Unidas para o Direito Nacional da Vida; Kristan Hawkins, diretor
executivo de Estudantes pela Vida nos Estados Unidos; o reverendo Alveda King,
fundador do King pela América; Douglas Johnson, diretor legislativo do Comitê
do Direito Nacional da Vida e a organização Terri Schiavo Life & Hope
Network.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.