Misericórdia, chave no diálogo inter-religioso

Cardeal Barbarin participa de uma peregrinação islâmico-cristã

VIEUX-MARCHÉ, segunda-feira, 24 de julho de 2011 (ZENIT.org) – A misericórdia, que é o nome de Deus, constitui uma palavra chave para o diálogo entre muçulmanos, judeus e cristãos, considera o cardeal Philippe Barbarin, arcebispo de Lyon.

O arcebispo presidiu nesse domingo a Missa na capela dos Sete Santos de Éfeso, na pequena localidade de Vieux-Marché, no contexto da peregrinação islâmico-cristã que se celebra há quase 60 anos nesse lugar.

“Por que a palavra misericórdia desertou dos lábios dos católicos?”, perguntou, na homilia, o purpurado. “Por que a utilizamos tão pouco? Por que temos medo de utilizá-la? Surpreende-me, pois aparece em toda parte da Bíblia, e seria um conceito maravilhoso para o diálogo inter-religioso”.

Ele recordou que a misericórdia é também o grande legado deixado em seu pontificado por João Paulo II.

Evocando o pensamento de Karol Wojtyla, afirmou: “Misericordioso não é só um adjetivo que podemos atribuir a Deus. A Misericórdia não é só uma das qualidades de Deus, que é também criador, poderoso… A Misericórdia – disse o papa – é verdadeiramente seu nome”.

“Essa frase poderia ser de grande utilidade no diálogo profundo, seguindo o registro do amor de Deus, com nossos irmãos crentes de outras religiões”, sugeriu.

Estavam presentes na Missa representantes da comunidade muçulmana e milhares de católicos, que acompanharam a celebração dos arredores da capela.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.