México: aumento de sacrilégios em igrejas

Paróquias adotam mais medidas de segurança

LEÓN, quarta-feira, 13 de julho de 2011 (ZENIT.org – El Observador) – A arquidiocese de León, a cuja frente se encontra Dom José Guadalupe Martín Rábago, diante do aumento de roubos e atos sacrílegos nos templos católicos, decidiu tomar medidas de urgência, entre as quais se encontram instalar câmeras de vídeo, colocar grades e proteções e fechar os recintos religiosos no horário de almoço.

Segundo informações da própria arquidiocese, praticamente nenhum dos templos que se encontram no centro da cidade de León, assim como os da periferia, se salvou dos roubos constantes de arte sacra e das profanações.

A arquidiocese de León condenou energicamente o roubo sacrílego. O Pe. Raúl Villegas Chávez, porta-voz da arquidiocese, disse que, infelizmente, incrementou-se o índice de roubos contra a Igreja ao longo deste ano.

Diante da crescente onda desse tipo de roubos, a própria arquidiocese recomendou fechar os templos ao meio-dia e mantê-los sob vigilância constante; por isso, muitos encarregados instalaram câmeras de vídeo em pontos estratégicos.

Tal é o caso do templo de São Francisco de Assis, situado no bairro de Coecillo, onde os roubos a casas e de peças de carros são frequentes.

O reitor do templo, Pe. Gabriel Castillo Beltrán, informou que o recinto sagrado já conta com uma equipe de vídeo para ter maior segurança.

No ano passado, o templo do Imaculado Coração de Maria, situado na região central, também foi visitado por delinquentes, que conseguiram levar os aparelhos de som, uma escada e um candelabro.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.