Meu casamento está em crise. O que fazer?

Há muitos problemas no casamento, e eles se diferenciam em cada casal. Para muitos falta um diálogo frequente, sadio e frutuoso, que é o combustível do amor conjugal. Para outros é não saber corrigir o cônjuge que erra; para outros é a monotonia da vida conjugal. Para muitos casais falta aquela palavra carinhosa, o passeio descontraído, a atenção com o outro, o cuidado do lar, uma boa apresentação pessoal de cada um. Há problemas como a diferença de idade, o desemprego, as doenças, as drogas, a bebida, as traições, as brigas, os temperamentos diferentes, as violências de palavras e atos, a chantagem emocional para dominar o outro, o desrespeito, os ressentimentos, gritos, acusações, lembranças de erros do passado; relacionamento com os parentes, o uso do dinheiro, as dívidas, a mentira, a moda, as comparações prejudiciais, as reclamações mútuas, irritação e mau humor, negativismo, autopiedade, os amigos e parentes, os programas sociais, as  férias, etc.Por estes motivos e muitos outros, muitos casais acabam passando por uma crise conjugal e não sabem como lidar.

Assista neste vídeo uma palavra do Prof. Felipe Aquino, com sua vasta experiência de 40 anos de casado, pai de 5 filhos, 10 netos e a pregação de muitos encontros em Congressos sobre este assunto, aos casais que hoje passam por esta situação:

cpa_problemas_casamento

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.