Maria é a Rainha dos Anjos

nossasenhorarainhaA Virgem Maria foi coroada no Céu pela Santíssima Trindade, como Rainha, porque é de fato Rainha, Mãe do Rei dos Reis, é a Imperatriz do Céu e da Terra!

Este grande título pode ser perfeitamente associado com a Maternidade de Maria, isto é, com a vinda sobre ela, em Nazaré, do Espírito Santo, após a anunciação do anjo Gabriel e com o consequente nascimento de nosso Senhor em Belém. Ela, como Mãe de Nosso Senhor, torna-se mais próxima a Ele do que qualquer anjo; mas próxima mesmo que o serafim que O rodeia e clama continuamente “Santo, Santo, Santo”.salverainha

São Miguel e São Gabriel são os dois arcanjos que possuem uma função especial no Evangelho, e ambos estão associados a Maria na história da Encarnação: São Gabriel, quando o Espírito Santo desceu sobre Maria, e São Miguel, quando a Divina Criança nasceu.

São Gabriel saudou-se como “cheia de graça” e “abençoada entre as mulheres” e anunciou que o Espírito Santo desceria sobre ele e assim ela geraria um filho que seria o Filho do Altíssimo. O que sabemos sobre o ministério de São Miguel no nascimento do Filho Divino, aprendemos do Livro do Apocalipse, escrito pelo Apóstolo São João. Sabemos que Nosso Senhor veio para estabelecer o Reino dos Céus entre os homens, e que logo ao nascer já foi atacado pelos poderes do mundo que queriam destruí-lo. Herodes procurou tirar Sua vida, mas foi derrotado por São José, que levou Maria e o menino Jesus para o Egito. Entretanto, São João no Apocalipse nos diz que São Miguel e seus anjos foram os reais guardiões da Mãe do Filho, naquela e em outras ocasiões.

Leia também: Nossa Senhora Rainhacpa_os_anjos

Maria: Vencedora de Satanás e das heresias

Rainha do Céu, Senhora do Mundo

Maria, Onipotência Suplicante

Rainha do Céu e da Terra

A mediação de Maria

Em primeiro lugar, São João viu “um grande sinal ao céu” (“céu” aqui representando a Igreja ou o Reino de Deus): uma Mulher revestida de sol, a lua debaixo dos seus pés e na cabeça uma coroa de doze estrelas. Quando a mulher estava prestes a dar à luz, “um grande dragão vermelho”, isto é, o espírito maligno, pronto para que “lhe devorasse o filho” quando este nascesse. O Filho foi protegido por seu próprio poder Divino, e em seguida o espírito maligno perseguiu a mulher. São Miguel e seus anjos, entretanto, vieram salvá-la e prevaleceram contra ele.Osegredodemaria

Houve uma grande batalha diz o sagrado escrito, Miguel e seus anjos tiveram de combater o Dragão. O Dragão e seus anjos travaram combate; foi então precipitado o grande Dragão, a primitiva Serpente, chamado Demônio e Satanás. Agora, como então, a Abençoada Mãe de Deus possui tropas de anjos que estão a seu serviço, sendo ela a sua Rainha.

Texto retirado do livro: Rosa Mística. Cardeal Johh Henry Newman. Ed.Cultor de Livros

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.