Levar Cristo à internet

Diretor de comunicação do Patriarcado de Lisboa falou aos bispos no Rio de Janeiro

RIO DE JANEIRO, sexta-feira, 15 de julho de 2011 (ZENIT.org) – “A internet faz com que bilhões de imagens apareçam em milhões de écrans de computadores no planeta inteiro. Desta galáxia de imagens e sons emergirá o rosto de Cristo e ouvir-se-á a sua voz?”

Essa questão foi colocada pelo diretor do Secretariado Nacional das Comunicações do Patriarcado de Lisboa, padre António Rego, que nessa quarta-feira apresentou o tema “Pessoa digital: transformações antropológicas na sociedade da informação”, no I Seminário de Comunicação para os Bispos do Brasil (SECOBB), que acontece até este sábado no Rio de Janeiro.

Segundo o sacerdote, promover que se veja o rosto e ouça a voz de Cristo na internet favorecerá fazer deste espaço algo autenticamente humano, “porque se não houver lugar para Cristo não haverá lugar para o homem”, disse.

Durante sua conferência aos 62 bispos presentes no evento no Rio de Janeiro, padre António destacou que já o Concílio Vaticano II quis imprimir à comunicação um tom humano, o único que se enquadra na nossa dignidade e vocação.

Por isso o Concílio utilizou a expressão “meios de comunicação social”. Com o homem no centro. É o homem que se comunica, enfatizou.

O sacerdote recordou que Bento XVI, em 2010, afirmou que a tarefa de quem opera nas mídias, como consagrado, é aplainar a estrada para novos encontros.

É preciso assegurar sempre a qualidade do contato humano, e a atenção às pessoas e às suas verdadeiras necessidades espirituais, oferecendo às mesmas, nessa nova era digital, os sinais necessários para reconhecerem o Senhor, comentou.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.