Jovem cantora e compositora católica que triunfou em um reality show dá lição de vida aos espanhóis

MADRI, 06
Dez. 10 / 02:37 pm (ACI).- Miriam Fernández nasceu com paralisia cerebral e usa
um andador para caminhar. Sua mãe adolescente ignorou a proposta de realizar um
aborto e optou
por entregá-la em adoção.
Aos seus 20 anos de idade Fernández é talvez a cantora e
compositora juvenil mais querida da Espanha e usa seu talento para defender a vida e transmitir uma mensagem
de fé: “Deus não manda nada que não possamos suportar”.

Em uma entrevista concedida ao jornal La Razón, Miriam revelou a origem de sua
impressionante fortaleza e embora já tenha sido caluniado por causa do seu
firme compromisso com a defesa da vida, ela assegura que “se uma mulher
grávida escutar minhas canções e elas lhe dão esperança e isso salva a seu
filho, todas as críticas terão sido irrelevantes para mim”.

“Em minha vida passei momentos duros, como a morte do meu pai, a do meu
irmão. São momentos de perguntar a Deus ‘por quê?’Mas ao final de todas as
escuridões sempre vi luz, vi que tudo serve de algo, que Deus não manda nada
que não possamos suportar”, assegura Miriam.

Quase dois anos depois de ganhar o reality show “Tu si que vales”
(Você sim tem valor) do canal Telecinco, Miriam pôde finalmente cumprir o sonho
de sua vida: gravar “Dançando sob a chuva”, um disco no que
interpreta apenas canções de sua autoria que já estão à venda no Itunes e em
numerosas livrarias espanholas.

“Todos temos dons para servir os outros. Em meu disco em canto: ‘sempre há
algo melhor por chegar’. Há momentos em que digo ‘Deus, este assunto eu o ponho
em suas mãos’, e isso me dá força. Deus está aí, não quer nada mal para
ninguém. Nesta sociedade, e nestes tempos, deve-se seguir acreditando”,
sustenta Miriam.

A jovem Miriam se diz católica e elogia a formação que recebeu em colégios
religiosos. Foi criada no seio de uma família numerosa que a
apoiou em todos os sentidos. “Os médicos diziam que aos 15 anos não
caminharia, só me arrastaria, mas hoje caminho com ajuda de um andador”,
explica ela e agradece a sua mãe biológica por defender sua vida.

“A música foi minha salvação em uma infância dura, quando outras crianças riam de mim.
Segui cantando e vi que não é o mesmo cantar por cantar, que fazê-lo sabendo
que assim ajudamos os demais”, sustenta.

Em sua carreira de cantora, Miriam enfrenta algumas dificuldades mediáticas por
apoiar as campanhas pró-vida do Foro da Família, como “comentários
negativos às minhas canções nas redes sociais. ‘Não deveria ter uma posição tão
firme”, dizem-me. Mas defender a vida é uma questão humana, não política. Digo
‘não ao aborto’, mais ainda, digo ‘sim à vida”. Isso fechará para mim algumas
portas, mas possivelmente abra outras”, confia.

 

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.