Jornalistas são premiados pela JMJ

Enquanto cruz e ícone mariano continuam peregrinando pela Espanha

MADRI, terça-feira, 14 de junho de 2011 (ZENIT.org) – Os prêmios internacionais de comunicação “Sentinelas do amanhã”, entregues pela fundação espanhola “Crónica Blanca” (http://www.cronicablanca.org), já têm ganhadores. Enquanto isso, a cruz e o ícone mariano continuam sua peregrinação pela Espanha. Foram despedidos em Córdoba e partiram rumo a Aragón.

O júri premiou os melhores trabalhos jornalísticos sobre a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que se realizará em Madri de 16 a 21 de agosto.

Estes prêmios se tornaram um êxito mundial, pois foram recebidos trabalhos de muitos países, entre eles: Portugal, Ucrânia, Itália, Espanha, EUA, Guatemala, Cuba, Colômbia, Brasil, Argentina e Austrália.

O concurso se une, assim, ao espírito internacional deste evento, que receberá em Madri pessoas vindas de todos os lugares do mundo.

Entre os trabalhos recebidos, o júri premiou um documentário peruano, um artigo português e dois programas de rádio e um site espanhóis. Cada um dos ganhadores receberá mil euros e a inscrição para uma especialização em comunicação. A entrega de prêmios acontecerá em Madri, no dia 16 de agosto, durante os atos culturais da JMJ.

O Conselho Pontifício para as Comunicações Sociais apoiou os prêmios “para promover um jornalismo ético e profissional na geração jovem da nossa sociedade”.

O júri premiou como “Melhor Espaço Radiofônico”, com a especialização em Rádio da Fundação Rádio Popular e da Universidade CEU San Pablo, dois trabalhos: o programa “Salida de emergencia”, de Radio María, por Joaquín Cañas, de Pozuelo de Alarcón (Madri) e o programa “Doy Fe de ello”, de Manuel Serrano e Isabel Egido, da Universidade Miguel Hernández de Elche, Alicante.

Na categoria “Melhor Documento Audiovisual”, o prêmio foi para Sandra Rodríguez Benavides, de Pax Televisión, Lima (Peru), por “De Sidney a Madrid”. A ganhadora recebeu uma especialização em Comunicação Audiovisual da Universidade Francisco de Vitoria.

O “Melhor Artigo Jornalístico” foi sobre “As jornadas que transformam”, da revista “Família Cristã”, por Ricardo João Perna, de Portugal. O prêmio é uma especialização em Informação Social e Religiosa da Universidade CEU San Pablo.

A “Melhor Proposta Jornalística Multimídia na Internet”, premiada com a especialização online em Direção de Comunicação, Gestão das Atividades Comunicativas e Instituições, da Universidade Católica San Antonio de Murcia, foi para o projeto web www.gazteliza.org, da Pastoral Juvenil da diocese de San Sebastián, de Juan Pablo Aroztegi Esnaola,?Guipúzcoa.

Despedida da cruz em Córdoba

Milhares de fiéis assistiram à Missa de despedida da cruz dos jovens e do ícone de Nossa Senhora, na catedral, presidida pelo bispo Demetrio Fernández.

A cruz chegou a Córdoba em 6 de junho, para percorrer grande parte da diocese. No domingo de Pentecostes, despediu-se da cidade, após uma semana intensa de emoções, na qual os jovens foram os protagonistas.

Na homilia da Eucaristia de despedida, o bispo destacou que a cruz foi um instrumento de evangelização em todos os lugares por onde passou. Da mesma forma, afirmou que esta foi uma pequena missão para a diocese e convocou todos para a próxima JMJ de Madri.

Entre aplausos e jovens gritando “Esta é a juventude do Papa”, a cruz de João Paulo II e o ícone saíram da catedral, cruzaram a ponte romana e foram entregues ao delegado da Juventude da diocese de Barbastro-Monzón, que será a próxima em recebê-los.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.