IPF denuncia a ONU por pedir dinheiro aos Governos para promover abortos

MADRI, 12 Mar. 10 (ACI) .- O Instituto de Política Familiar (IPF), da Espanha, denunciou que a Organização das Nações Unidas (ONU), está pedindo mais dinheiro aos governos para promover o aborto através das políticas de gênero.

“Apesar dos 68 milhões de dólares destinados pelo Governo da Espanha para a recente criação do Fundo para a Igualdade de Gênero, UNIFEM (Fundo das Nações Unidas para a Mulher) declara insuficientes os recursos destinados às políticas de gênero”, advertiu o IPF.

Noelia García, Diretora de Comunicação da Rede Européia do IPF e representante do instituto na 54ª  sessão da Comissão para a Condição Jurídica e Social da Mulher (CSW) das Nações Unidas, disse que “é incrível que de um organismo dependente de Nações Unidas se assegure que os recursos destinados às políticas de igualdade de gênero sejam insuficientes”.

“É na partilha destes recursos de Ajuda ao Desenvolvimento, sob os quais se articula a ideologia de gênero e os direitos sexuais e reprodutivos das mulheres, introduzindo políticas a favor do aborto mediante a aprovação de projetos desta índole em países em vias de desenvolvimento”, advertiu.

Ante isso, Mari Carmen Mateu- porta-voz do IPF na ONU anunciou que se denunciará esta atitude e se reclamará “uma auditoria dos recursos já existentes”, assinalou. “Não podemos consentir que os Governos dêem cada vez mais dinheiro sem saber exatamente aonde nem que à custa dos Governos dos países se financie o aborto em nível internacional”, indicou.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.