Igreja sempre é prudente diante de fenômenos que envolvem imagens

05:42 pm |
REDAÇÃO CENTRAL, 2011-02-21 (ACI) .- O
Bispo da Diocese de Oruro (na Bolívia), Dom Cristóbal Bialasik, afirmou que
ante fenômenos com imagens como o Cristo que chora e emana sangue na cidade de
Cochabamba, a sabedoria da Igreja ensina que é necessário ser sempre prudentes.

Em declarações à agência ACI Prensa no dia 18 de fevereiro, Dom Bialasik
explicou que, em fatos como este, sempre o melhor é “esperar e ir
descobrindo os sinais que indicam se um acontecimento pode ser considerado como
verdadeiro ou não”, porque também poderia haver algum engano.

Desde março de 1995 em Cochabamba um busto de Jesus coroado com espinhos chora
e emana sangue. Este busto se encontra no lar da senhora Silvia Arévalo.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.