Governo regional belga quer converter igrejas em mesquitas

Proposta do ministro de Poderes Locais de Valonia

BRUXELAS, quinta-feira, 18 de novembro de 2010 (ZENIT.org) – Um ministro do governo da região belga de Valonia anunciou a publicação de um decreto que poderia converter as igrejas em mesquitas ou lugares dedicados a movimentos filosóficos, revelou nessa quarta-feira a imprensa local.

Paul Furlan, do Partido Socialista, ministro de Poderes Locais, explicou que “não vamos deixar que as igrejas se deteriorem, pois representam um interesse de patrimônio”.

Ele disse que a queda na participação religiosa deve levar a abrir os locais para outros cultos, para movimentos filosóficos ou inclusive manifestações culturais.

Grande parte dos recentes imigrantes da Bélgica procede de países muçulmanos. Assim, se aplicado esse critério, muitas igrejas poderiam se converter em mesquitas.

Paul Furlan propôs que haja uma igreja por povoado e não uma igreja por paróquia e manifestou sua intenção de fazer um inventário dos edifícios de culto para determinar os que ainda são úteis e com participação de fiéis.

Esta proposta, segundo o ministro, deveria ser aplicada com a promulgação de um decreto antes do final da legislatura.

Todo ano, no Reino da Bélgica, destinam-se 645 milhões de euros para o financiamento dos cultos. Se bem que o governo federal assuma boa parte dos gastos, os poderes públicos de Valonia (região, províncias e prefeituras) gastam 90 milhões de euros para a manutenção dos edifícios religiosos e a residência de clérigos.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.